Palmeiras B perde a primeira na A-3

O Palmeiras B perdeu sua invencibilidade no Campeonato Paulista da Série A-3 nesta quarta-feira à tarde. Jogando contra o EC Osasco, em Osasco (SP), foi derrotado por 2 a 1, de virada. A derrota, porém, não afeta a liderança do time no Grupo 2, onde soma 30 pontos, sete a mais do que o vice-líder, o Grêmio Barueri, após a 11.ª rodada. Com a vitória, o Osasco chega aos 15 pontos.A derrota foi considerada injusta pelo técnico Wilsom Coimbra, que se sentiu castigado por ter sofrido o segundo gol aos 42 minutos do segundo tempo. Mas ele reconheceu que "desta vez nosso time não esteve tão atento na marcação". Além disso, jogou todo o segundo tempo com um jogador a menos, devido a expulsão do atacante Vinícius no final da fase inicial.O Palmeiras saiu na frente aos 42 minutos, com Wendel. No segundo tempo, o time da casa voltou fazendo uma forte pressão. Empatou aos 16 minutos, com Alison, de cabeça. O jogo continuou equilibrado e parecia caminhar para a igualdade, quando Éverton marcou o segundo gol do EC Osasco. Outros jogos - O Grêmio Barueri fica na vice-liderança, agora com 23 pontos, ao empatar fora com o Taboão da Serra por 1 a 1, que só tem cinco pontos e está ameaçado de rebaixamento. Itararé e São Vicente disputaram um jogo com muitas de alternativas e empataram por 3 a 3, mantendo-se, respectivamente, em terceiro, com 19, e quarto, com 15. Outro jogo do grupo acabou suspenso, em Indaiatuba, entre Primavera e São José, porque o time de São José dos Campos tem um débito de R$ 12 mil com a Federação Paulista. O jogo pode ser marcado nos próximos dias pelo departamento técnico, uma vez que o clube do Vale do Paraíba sinalizou que vai quitar o débito até sexta-feira. Completando a rodada da tarde, o lanterna Grêmio Mauaense, com quatro pontos, empatou por 0 a 0 com o Ecus, sétimo colocado, com 13 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.