JD Diorio/Estadão
JD Diorio/Estadão

Palmeiras chega a 80 mil sócios-torcedores e encosta no Grêmio

Clube alviverde tem grande crescimento de torcedores no programa Avanti e deve acabar com soberania gaúcha nos próximos dias

DANIEL BATISTA, O Estado de S.Paulo

23 de janeiro de 2015 | 19h26

O Palmeiras conseguiu ultrapassar nesta sexta-feira a marca dos 80 mil sócios-torcedores participantes do programa Avanti e se aproximou ainda mais do Grêmio, segundo colocado no ranking do Movimento Por um Futebol Melhor, que lista os clubes com maiores números de sócios-torcedores. O time gaúcho tem pouco menos de 80.500 participantes.

O líder é o Internacional com pouco mais de 129 mil sócios e caso o Palmeiras ultrapasse o Grêmio, será a primeira vez na história que os dois gaúchos não ficam na ponta da tabela. O Avanti deu uma grande subida nos últimos 12 meses e é um dos pontos que mais o presidente Paulo Nobre bate e tentar fazer crescer no clube.

Quando o dirigente assumiu o cargo, em janeiro de 2013, o Palmeiras tinha cerca de oito mil sócios. Ele fez uma longa e ferrenha campanha para incentivar os torcedores a aderirem ao plano e os palmeirenses não decepcionaram.

A tendência é que nas próximas semanas o clube anuncie aumento nos planos e algumas mudanças nos benefícios de quem se tornar Avanti. Atualmente, os sócios do programa conta com várias vantagens, como desconto em ingressos, possibilidade de ganhar prêmios exclusivos e conhecer ídolos do clube.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasGrêmio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.