Clayton de Souza/AE
Clayton de Souza/AE

Palmeiras clama por apoio da torcida contra o Paysandu

Jogadores afirma que clube está num momento turbulento e que precisam do carinho dos torcedores na quarta

AE, Agência Estado

28 de março de 2010 | 11h40

Mais uma vez o Palmeiras fracassou no Palestra Itália, ao apenas empatar com o Mirassol no sábado por 1 a 1. Resultado que revoltou a torcida e praticamente eliminou a equipe do Campeonato Paulista. Cientes do turbulento cenário, os jogadores esperam agora que os torcedores esqueçam a decepção e apoiem a equipe contra o Paysandu, quarta-feira, pela partida de volta da segunda fase da Copa do Brasil.

 

Veja também:

linkBATE-PRONTO - Belluzzo agoniza na presidência do Palmeiras e diz que fracassou

"Nosso time tentou ao máximo [contra o Mirassol], nos esforçamos para conseguir a vitória, mas infelizmente ela não veio. Agora, só espero que a torcida nos apoie na quarta-feira, contra o Paysandu, para a gente conseguir a classificação na Copa do Brasil", afirmou o zagueiro Maurício Ramos.

Um bom resultado na quarta-feira, segundo afirmou Léo, será bom para encerrar a história de que o Palmeiras não consegue vencer no Palestra Itália. "Não tem nada de fantasma nem coisa nenhuma. Precisamos ter paciência e botar a cabeça no lugar para fazer um bom trabalho e reverter essa situação", avaliou.

Antes do empate contra o Mirassol, o Palmeiras havia perdido suas duas últimas partidas no Palestra Itália, contra Ponte Preta e Santo André.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa do BrasilPalmeirastorcida

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.