Arquivo/AE
Arquivo/AE

Palmeiras confirma demissão de Vanderlei Luxemburgo

Técnico havia afirmado em seu blog, na madrugada deste sábado, que não iria mais trabalhar no clube

AE, Agencia Estado

27 de junho de 2009 | 11h49

A diretoria do Palmeiras confirmou na manhã deste sábado a demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo por quebra de hierarquia. O treinador havia anunciado a sua saída do clube em seu blog pessoal na madrugada desta sexta-feira.

Veja também:

link Jorginho comanda treino do Palmeiras antes do clássico

link Técnico Vanderlei Luxemburgo anuncia saída do Palmeiras

link Luxemburgo diz que Keirrison não joga mais pelo Palmeiras

link Barça negocia compra de Keirrison e ele não joga clássico

link Apesar de drama familiar, Pierre diz que joga no domingo

especial Mercado: as transferências dos times

especial MASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especial Visite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela / tabela Classificação

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Em nota oficial, a diretoria palmeirense atribuiu a demissão às declarações de Luxemburgo. Na sexta-feira, o técnico disse que Keirrison, em negociação com o Barcelona, não jogaria mais no time, mesmo que não concretizasse a transferência para a Espanha.

A nota frisou que Luxemburgo não foi demitido em razão dos resultados do time dentro de campo. O técnico recebeu duras críticas da torcida pela eliminação nas semifinais do Campeonato Paulista e pela queda nas quartas de final da Copa Libertadores, diante do fraco Nacional, do Uruguai, na semana passada.

Foi a quarta passagem de Luxemburgo pelo clube. Ele chegou ao Palmeiras no começo de 2008 para substituir Caio Júnior. Neste um ano e meio no comando do time, o técnico conquistou o título do Paulistão de 2008 e levou a equipe à Libertadores deste ano, após uma campanha irregular no Campeonato Brasileiro do ano passado.

O clube ainda não anunciou o sucessor de Luxemburgo, mas a diretoria garantiu que a equipe será comandada pelo interino Jorginho, técnico do time B do Palmeiras, no clássico contra o Santos, domingo, no Palestra Itália.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.