Célio Messias/Estadão
Célio Messias/Estadão

Palmeiras conquista mais uma vitória apertada na Copinha

Alviverde vai para última rodada precisando vencer o São Carlos para ser primeiro do grupo

O Estado de S. Paulo

07 de janeiro de 2014 | 23h11

SÃO CARLOS - O Palmeiras assustou a torcida presente em São Carlos, mas acabou conseguindo mais uma vitória na Copa São Paulo de Futebol Junior. Contra o Piauí pela segunda rodada do Grupo H, o Alviverde saiu na frente, tomou o empate e ainda deu esperanças ao time nordestino no final, mas acabou levando os três pontos com a vitória apertada por 3 a 2.

Quem começou o jogo melhor foi justamente o Palmeiras. O Palmeiras explorou bem o lado esquerdo e teve a primeira chance de gol aos sete minutos de jogo. Erik invadiu a área e bateu forte, para fora. A insistência resultou no gol, aos catorze minutos, quando o atacante da equipe paulista converteu o pênalti cometido por Dênis.

O Piauí aproveitou a bobeada do zagueiro Thiago Martins para empatar o jogo aos 37 minutos de jogo, com Silas. Mas, no final do primeiro tempo, deixou o Palmeiras na frente do placar. Taylor, em sua primeira participação no jogo, rolou para Christopher bater rasteiro e fazer 2 a 1.

O Alviverde voltou para o segundo tempo com tudo. Logo aos três minutos, Caio Cezar fez o terceiro para os paulistas. O time nordestino ainda assustou, fazendo 3 a 2 com Lucas Marques, aos 31 minutos, mas já era tarde. O Palmeiras segurou o ímpeto dos rivais até o final do jogo.

Com o resultado, o time de Palestra Itália chega aos seis pontos, mesma pontuação do São Carlos, líder do grupo pelo saldo de gols. Na última rodada, líder e vice se enfrentam para definir quem vai garantir a classificação para a segunda fase da competição.

INTERNACIONAL

O Internacional vencia o Brasília por 2 a 1 até os 46 minutos do segundo tempo, quando Vitor Hugo acertou uma cobrança perfeita e deixou tudo igual. Os dois times dividem a liderança do Grupo E - sede em Osvaldo Cruz - com seis pontos, mas os gaúchos levam a vantagem nos gols marcados (5 contra 4).

Na última rodada, que será realizada no próximo sábado, o Internacional enfrenta o lanterna Marília e se vencer confirma a classificação pelo menos como um dos seis melhores segundos colocados. A mesma situação vive o Brasília, que terá pela frente o Rio Claro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.