Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras defende contra o Coritiba série de vitórias no Pacaembu

Em estádio 'alternativo', equipe tem bom aproveitamento e vem de cinco triunfos consecutivos desde março de 2016

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

18 de setembro de 2017 | 11h00

Para o Palmeiras ter de jogar no Pacaembu não parece ser um problema. O estádio municipal receberá o confronto com o Coritiba, nesta segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro, já que o Allianz Parque está fechado para um festival de rock e para a operação da troca do gramado. No entanto, a troca de local não tira a confiança do clube, pelo contrário, afinal são cinco vitórias seguidas no Pacaembu.

Desde a inauguração da nova arena, em novembro de 2014, será a décima vez em que o Palmeiras precisará recorrer ao Pacaembu. Até o momento fora seis vitórias, duas derrotas e um empate. Neste ano foram duas partidas, ambas com resultados positivos: 3 a 0 sobre o Novorizontino, pelo Campeonato Paulista, e 1 a 0 no Grêmio, pelo Campeonato Brasileiro. Os placares aumentaram a série de invencibilidade no Pacaembu.

Nos últimos cinco jogos, foram cinco vitórias no local. Além dessas duas, a equipe no ano passado bateu o Grêmio, pelo Brasileiro, mais Corinthians e Rio Claro, pelo Campeonato Paulista. O último revés foi em março do ano passado, pelo Estadual, na derrota por 2 a 1, no terceiro jogo do técnico Cuca no comando da equipe.

Até domingo o clube havia vendido 15 mil ingressos para a partida. O treinador afirmou que a mudança de local da partida não afetará o rendimento do time. "O gramado do Pacaembu é muito bom, não tem o que reclamar. Muda porque você não está acostumado de jogar ali, mas não tem problema nenhum, nossa torcida vai estar lá", comentou Cuca.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.