César Greco/Divulgação
César Greco/Divulgação

Palmeiras define a defesa como prioridade para armar a equipe

Técnico Oswaldo de Oliveira comemora acerto com o setor e agora prepara a entrada dos reforços para definição dos titulares do clube

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

13 de fevereiro de 2015 | 07h00

Depois do intenso fluxo de contratações e saídas no começo de temporada, o Palmeiras começa a arrumar o time de 2015 e o primeiro setor a se fixar é a defesa. O técnico Oswaldo de Oliveira tem evitado mexer nessa posição e teve um sinal positivo de que esse projeto está no caminho certo quando na última quarta-feira o time terminou um jogo sem tomar gols pela primeira vez no ano.

Nos 3 a 0 sobre o Rio Claro, pelo Campeonato Paulista, a equipe recuperou a confiança após sofrer duas derrotas seguidas em casa e ainda mostrou evolução na parte defensiva. "O único setor que estou evitando mexer é na defesa. Nos outros, procuro improvisar, experimentar e na defesa, que é o nosso alicerce, não", explicou o treinador.

A linha defensiva formada por Lucas, Tobio, Vitor Hugo e Zé Roberto ainda celebrou a boa atuação com uma importante contribuição ofensiva. O veterano lateral-esquerdo fez o segundo do Palmeiras na vitória, o primeiro dele com a camisa do clube. Com o setor já definido para a sequência da temporada, o técnico só deverá fazer trocas em caso de necessidade, como para o próximo sábado. Lucas tem sentido dores nas costas e deve ser poupado para dar lugar a João Pedro para o jogo contra o São Bento, em Sorocaba.


"A torcida tem que ter paciência, porque o time é novo, são 19 contratações. Todo mundo que chegou tem qualidade e quando a gente entrosar não vai ter como. Ninguém vai segurar a gente, não", destacou o zagueiro Vitor Hugo. O defensor foi mantido como titular contra o Rio Claro apesar da falha contra o Corinthians, quando um recuo mal feito acabou por propiciar o gol da vitória adversária, marcado por Danilo.

Nos outros setores do time, porém, ainda há muitas experiências a serem feitas. O volante Arouca deve estrear como titular, assim como o meia Cleiton Xavier. Ainda há o esperado retorno do ídolo da torcida Valdivia para ajudar na criação. No ataque, Leandro Pereira já deu lugar a Cristaldo, enquanto Dudu e o garoto Gabriel Jesus também aguardam mais chances. 

"O elenco tem muitos jogadores de qualidade e é normal ter trocas e testes. Temos que respeitar a decisão do técnico, ficar ligado e saber que a reserva não tem que incomodar ninguém", comentou nesta quinta-feira o atacante argentino Cristaldo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.