Palmeiras descarta arrecadação da torcida por Kléber

A idéia de doar dinheiro ao clube para fechar o negócio surgiu em conversas de torcedores na internet

AE, Agencia Estado

29 de dezembro de 2008 | 15h25

A diretoria do Palmeiras descartou a ajuda financeira da torcida para a contratação do atacante Kléber. A idéia de doar dinheiro ao clube para fechar o negócio surgiu em conversas de torcedores na internet, o que acabou virando uma campanha entre os palmeirenses.Veja também:São Paulo, Corinthians e Palmeiras buscam patrocínio Confira as novidades do mercado do futebol Paulistão 2009 - Tabela Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão  Segundo comunicado divulgado nesta segunda-feira, o Palmeiras avisa que "não autoriza e não apóia oficialmente nenhuma campanha de arrecadação de fundos que vise a contratação do atacante Kléber". O clube ainda informa que qualquer dinheiro que tenha sido depositado em suas contas bancárias será devolvido.O Palmeiras quer fechar a contratação de Kléber, mas ainda não conseguiu juntar o dinheiro pedido pelo Dínamo de Kiev, da Ucrânia, para liberar o jogador: US$ 8 milhões. E, ao agradecer a mobilização dos torcedores, a diretoria do clube explica que não desistiu do negócio com o atacante, um dos destaques palmeirenses em 2008.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasKléber

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.