Palmeiras deve anunciar dois reforços nesta semana

Meia Pedro Carmona e atacante Fernandão chegam para reforçar o time de Felipão

Daniel Batista, do Estadão.com.br,

20 de agosto de 2011 | 20h34

SÃO PAULO - O Palmeiras acertou neste sábado, 20, a contratação de dois jogadores para a sequência do Campeonato Brasileiro. Trata-se do meia Pedro Carmona, do Criciúma e do atacante Fernandão, do Guarani. O anúncio deve acontecer no início da próxima semana.

 

Em relação a Pedro Carmona, o Palmeiras estava de olho em outro jogador do Criciúma, o meia Roni, mas a negociação não foi adiante e Carmona, de 23 anos, surgiu como uma boa opção. O meia é um dos destaques do futebol catarinense e chama a atenção principalmente pela qualidade na bola parada.

 

Em Santa Catarina, a diretoria do Criciúma já confirmou a transferência do jogador, que estava no clube por empréstimo. Seus direitos federativos pertencem ao São José de Porto Alegre. Mas em seu contrato existia um termo que obrigado o Criciúma a liberá-lo em caso de negociação com algum time da Série A. Ele deve assinar contrato por um ano com o Palmeiras.

 

Outro jogador que deve desembarcar na Academia de Futebol nos próximos dias é o atacante Fernandão. Neste caso, o jogador de 24 anos conta com o aval do técnico Luiz Felipe Scolari e faltam apenas acertar alguns detalhes na negociação, como tempo de contrato, para ele ser oficializado como reforço. Fernandão chama a atenção pela força na bola aérea, já que tem 1,90m de altura.

 

Ricardo Bueno também acertou, mas sua situação é mais complicada. Ele briga na Justiça contra o Atlético Mineiro e, enquanto jogador e clube não entrarem num acordo, ele não pode ser negociado. Bueno chega ao Palmeiras com a missão de tentar ser o centroavante que tanto o técnico Luiz Felipe Scolari pede. Wellington Paulista não convenceu. Assim como Dinei.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.