Evelson de Freitas/AE
Evelson de Freitas/AE

Palmeiras deve dispensar ao menos 11 jogadores até quinta-feira

Desligamentos e empréstimos fazem parte de reestruturação da equipe para 2013

Daniel Batista, O Estado de S. Paulo

26 de novembro de 2012 | 11h41

SÃO PAULO - Para tentar antecipar o planejamento de 2013, o Palmeiras deve anunciar até quinta-feira a lista dos jogadores que não ficam para a próxima temporada. Durante esta semana, os dispensados serão comunicados da decisão da diretoria.

"A gente já tem 90% definido do nosso plano em relação ao atual elenco. Já sabemos quem vai e quem fica e o (técnico Gilson) Kleina já nos passou isso. Serão muitos nomes porque a gente sabe que precisa de uma reformulação profunda após este semestre", disse César Sampaio, gerente de futebol do Palmeiras.

Alguns dos atletas que serão dispensados ainda têm contrato com o Palmeiras e devem ser emprestados. A tendência é que pelo menos 11 jogadores sejam liberados.

Thiago Heleno, Leandro Amaro, Román, Artur, Leandro, Correa, João Vitor, Patrik, Daniel Carvalho, Betinho e Obina não devem ficar para 2013. E a lista pode ser ainda maior. "Já conversamos com os procuradores dos jogadores para que eles também possam negociar os atletas que não vão ficar. Mesmo porque alguns deles ainda terão vínculo com a gente e precisaremos recolocá-los no mercado", explicou Sampaio.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.