Palmeiras diz conhecer bem os adversários

O Palmeiras terminou a primeira fase da Série B do Campeonato Brasileiro na liderança, mas não conseguiu vencer Santa Cruz, Brasiliense e Sport, justamente os adversários que terá na segunda etapa da competição. O fato, no entanto, não abala o entusiasmo do técnico Jair Picerni e dos jogadores, que estão em Extrema (MG) se preparando para enfrentar o Santa Cruz, sábado, às 21h40, em Recife."Tudo vai ser diferente, tem de ser diferente", afirmou o zagueiro Leonardo, que foi confirmado na defesa ao lado de Daniel. O goleiro Marcos também acredita que as dificuldades do Palmeiras serão menores do que no início da Série B. "Uma coisa que nos atrapalhou muito na primeira fase foi o fato de que todo mundo conhecia o nosso jeito de jogar e a gente não conhecia o deles", explicou. Visita - O presidente Mustafá Contursi aproveitou o período de mini pré-temporada em Extrema para visitar a equipe do Palmeiras na manhã desta quarta-feira. Acompanhado de alguns conselheiros, almoçou com a comissão técnica e os jogadores. Apesar da presença do dirigente ser especialmente rara em treinamentos, Picerni procurou encarar a situação com naturalidade. "É um fato normal. Ele compareceu para dar apoio, fazer as cobranças que achou necessárias, assim como os outros integrantes da parte diretiva", afirmou o técnico.Prêmios - Deve sair nesta quinta-feira a definição de como será a premiação dos jogadores em caso de promoção para a primeira divisão. Picerni definiu sua posição com simplicidade. "Nosso negócio é subir, o resto é secundário", disparou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.