Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras empresta goleiro ao Mirassol até o fim do Campeonato Paulista

Sem espaço no elenco, Vágner é cedido a time do interior para a disputa do Estadual

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

11 de janeiro de 2017 | 21h31

O Palmeiras vai concluir nos próximos dias o empréstimo do goleiro Vágner ao Mirassol, em contrato de curta duração, somente até o fim do Campeonato Paulista. Após vir ao clube no ano passado para ser o substituto de Fernando Prass, o jogador perdeu espaço e a preferência no elenco para outros três colegas de posição.

Vágner foi campeão paulista pelo Ituano, em 2014, e fez um bom Brasileiro no ano seguinte pelo Avaí. A campanha chamou a atenção do Palmeiras, que o recrutou no começo de 2016 para ser a segunda opção no gol. A chance dele veio com a ida do titular, Prass, para defender a seleção brasileira durante os Jogos Olímpicos do Rio. O dono da posição se apresentou na Granja Comary, até ser cortado por uma lesão no cotovelo que o tirou do restante da temporada.

O reserva, então, ganhou chances para atuar em partidas do Campeonato Brasileiro, mas não agradou ao técnico Cuca nas três oportunidades que teve para atuar. Falhas em partidas contra Botafogo e Chapecoense fizeram o treinador apostar na terceira opção, Jailson. O jogador ganhou chances, se destacou na campanha do título e nem mesmo quando ficou fora por suspensão, a chance foi para Vágner.

Contra o Santos, na Vila Belmiro, Cuca optou por Vinícius Silvestre, revelado nas categorias de base do clube e mantido no elenco atual. O jogador é a terceira opção para goleiro, pois com a volta de Prass, titular, Jailson retomou o posto de segundo goleiro e levou a diretoria a procurar clube para Vagner atuar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.