Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

Palmeiras encara Vitória da Conquista com Gabriel Jesus

Atacante é relacionado e pode estrear pela equipe paulista

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

04 Março 2015 | 07h00

O confronto entre Palmeiras e Vitória da Conquista nesta quarta-feira, às 22h, na Bahia é mais um daqueles tradicionais jogos do grande contra o pequeno pela primeira rodada da Copa do Brasil. Mas este pode ficar marcado pela estreia de um garoto de 17 anos que já tem grande prestígio no clube mesmo sem nunca ter jogado pela equipe principal. Depois de um mês e meio só treinando, Gabriel Jesus foi relacionado para o banco de reservas e tem grandes chances de entrar no segundo tempo.

Ele é, com sobras, o jogador mais comentado da base do Palmeiras nos últimos anos. Ano passado o técnico argentino Ricardo Gareca o levou para o banco da partida contra o Atlético-MG pela Copa do Brasil no dia 27 de agosto, mas não o colocou em campo.

"Eu sonho muito com a estreia. Sei que tenho de ir com calma, que a comissão saberá a hora de me colocar, mas estou ansioso, sim. Quero muito defender as cores e honrar a camisa do Palmeiras em campo", disse o garoto.

Gabriel foi o artilheiro do Campeonato Paulista Sub-17 com 37 gols em 22 partidas, desempenho que o fez ser titular do time Sub-20 na Copa São Paulo. Ele marcou cinco gols na competição, teve seu contrato renovado e subiu para a equipe principal com status de grande promessa.

Oswaldo de Oliveira recebeu algumas críticas por ainda não ter uma chance ao garoto, mas diz que está agindo com cautela para não queimar etapas nem expor o atacante a uma pressão muito grande. Talento, ele sabe que o menino tem de sobra.

"Ele é rápido e tem mobilidade, não é aquele centroavante 'tanque'. Quando determinado jogador entra na área e tem de virar o pé para bater na bola, ele exagera e chuta para fora. A do Gabriel entra", disse o treinador em entrevista ao Fox Sports. Em coletivos e jogos-treino o garoto geralmente é um dos destaques. O argentino Cristaldo considera Gabriel Jesus um concorrente de peso e não perde a chance de elogiá-lo.

Outros jogadores que foram relacionados pela primeira vez este ano são o goleiro Aranha e o lateral-direito João Pedro. Zé Roberto, Vitor Hugo e Alan Patrick não viajaram.

O Palmeiras vai encarar um campo esburacado e um acanhando estádio com capacidade para 12.500 torcedores com o objetivo de voltar classificado e ter mais tempo para descansar. Se vencer por dois ou mais gols de diferença, a equipe se garante na próxima fase, em que vai pegar o vencedor do confronto entre Estrela do Norte-ES e Sampaio Corrêa-MA. No primeiro jogo, os capixabas venceram em casa por 3 a 2.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA DA CONQUISTA: Viáfara; Diego Aragão, Silvio, Fernando Belém e Mateus Leoni; Maicon, Paulo Almeida, André Beleza e Diogo Capela; Carlinhos e Rafamara

Técnico: Evandro Guimarães

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Tobio, Jackson e João Paulo; Gabriel, Arouca, Robinho, Allione e Dudu; Cristaldo

Técnico: Oswaldo de Oliveira

JUIZ: Charles Heberto Ferreira (AL)

LOCAL: Estádio Lomantão, em Vitória da Conquista

HORÁRIO: 22h

Mais conteúdo sobre:
Palmeiras Futebol Copa do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.