Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras enfrenta o Avaí para testar atacante para o próximo ano

Com Borja e Deyverson em alta, técnico faz observação em Florianópolis e aproveita comodidade de time já estar classificado

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

20 Novembro 2017 | 07h00

O fim do Campeonato Brasileiro de 2018 servirá para o Palmeiras buscar dois objetivos. O clube enfrenta o Avaí, nesta segunda-feira, às 20h, em Florianópolis, para buscar a vice-liderança e também testar quem é o titular do ataque. Com Borja e Deyverson em boa fase, o técnico Alberto Valentim vive uma dúvida sobre qual deles colocar no time.

+ Palmeiras comemora diminuição de cartões amarelos

+ Tabela do Campeonato Brasileiro 2017

A definição só deve ser conhecida na hora do jogo, pois os dois treinos preparatórios para a partida foram fechados aos jornalistas. Deyverson tem como trunfo ter marcado quatro gols nos dois últimos compromissos, quando atuou como substituto de Borja. Já o colombiano, aposta no bom retrospecto recente sob o comando do treinador, com três gols marcados, fora a boa participação no amistoso internacional de terça-feira, contra a China.

O clube tem a vaga garantida na fase de grupos da Copa Libertadores do próximo ano e quer usar as três rodadas restantes para ajeitar o time. Embora a diretoria deve apostar em várias contratações, o treinador espera um bom resultado para tentar se manter no cargo e, por isso, aposta nos dois atacantes, que após viverem períodos de incerteza, parecem ter se firmado.

A princípio, o favorito é Borja, pois atuava como titular antes de viajar para o compromisso com a seleção colombiana. O clube considera bastante positivo o substituto dele, Deyverson, também viver bom momento, pois vê na concorrência entre os dois um fator de incentivo para renderem.

Em Florianópolis a equipe não poderá contar com Felipe Melo. O volante cumprirá suspensão de um jogo determinada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por confusão no clássico com o Corinthians. A tendência é Valentim apostar em Bruno Henrique como substituto.

O foco do Palmeiras nas três rodadas finais é de se tornar vice-campeão brasileiro. "O nosso objetivo é chegar ao lugar mais longe que pudermos. O título não conseguiremos mais, então miramos o segundo lugar", disse o zagueiro Luan. A segunda posição garante ao clube uma premiação de R$ 11 milhões, cerca de R$ 4 milhões a mais do que o montante entregue ao terceiro colocado.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ X PALMEIRAS

AVAÍ: Kozlinski; Maicon, Alemão, Betão e João Paulo; Judson, Simião, Marquinhos e Pedro Castro; Junior Dutra e Romulo. Técnico: Claudinei Oliveira.

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean (Mayke), Edu Dracena, Luan e Michel Bastos; Bruno Henrique, Tchê Tchê e Moisés; Keno, Dudu e Deyverson. Técnico: Alberto Valentim.

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro 

Local: Ressacada, em Florianópolis

Horário: 20h

Transmissão: SporTV.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.