Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras entra em ranking das mil empresas de maior faturamento no País

Clube comemora anúncio e diz que resultado é reflexo do modelo de gestão implantado pela diretoria

O Estado de S. Paulo

17 Agosto 2018 | 16h30

O Palmeiras entrou para a lista das mil empresas que mais faturam no Brasil. O ranking foi elaborado pela edição especial Melhores e Maiores da Revista Exame e aponta com o clube alviverde na 988ª posição entre as principais companhias nacionais. Somente outro time de futebol, o Flamengo, também aparece na relação. A equipe carioca está no 844º lugar.

"A presença do Palmeiras no rol das melhores e maiores empresas do Brasil comprova a solidez financeira que conseguimos alcançar graças a uma administração responsável, eficiente e moderna", disse o presidente Maurício Galiotte. "O modelo de gestão que aplicamos no clube nos permitiu alavancar e diversificar as receitas, de modo que projetamos, hoje, uma curva contínua de evolução”, completou.

Em 2017 o Palmeiras encerrou o ano com receita recorde de mais R$ 500 milhões. Para neste ano a expectativa é ainda superior, pois no primeiro semestre a arrecadação foi de R$ 731 milhões. A diretoria considera a diversificação da fonte de receitas como um dos segredos para os bons resultados financeiros demonstrados nos últimos anos.

Segundo a reportagem, o clube atingiu o sucesso por ser gerido como uma empresa e contar com forte recursos de bilheteria, do programa de sócio torcedor, de contratos de patrocínio e de ações de marketing esportivo.

 

 

Mais conteúdo sobre:
futebol Palmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.