Ernesto Rodrigues/AE
Ernesto Rodrigues/AE

Palmeiras espera Pacaembu lotado contra a Ponte Preta

'O torcedor é fundamental para alcançarmos mais rapidamente nosso objetivo', afirmou o treinador Gilson Kleina

DANIEL BATISTA, Agência Estado

24 de setembro de 2012 | 11h30

SÃO PAULO- A vitória sobre o Figueirense por 3 a 1, em Santa Catarina, fez com que a confiança aumentasse no Palmeiras, mas jogadores e comissão técnica sabem que o caminho para sair da zona de rebaixamento ainda é longo. Por isso, todo apoio é bem-vindo. Em seu segundo jogo sob o comando da equipe, o técnico Gilson Kleina espera força total da torcida na partida contra a Ponte Preta, no próximo sábado, às 21 horas, no Pacaembu, pela 27.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O treinador espera ver pressão vinda das arquibancadas como a da partida contra o Sport, no último dia 6 de setembro, quando mais de 30 mil torcedores compareceram ao estádio paulistano e ajudaram o time a bater o rival pernambucano por 3 a 1.

"Contra a Ponte, se for possível, quero mais de 30 mil palmeirenses no Pacaembu. Sei que, contra o Sport foi assim. Vamos repetir e lotar, já que o torcedor é fundamental para alcançarmos mais rapidamente nosso objetivo", disse o treinador.

O Palmeiras disponibilizou 37.153 ingressos para a partida contra a Ponte Preta. As vendas começaram no domingo, pelo site do Futebol Card (wwwfutebolcard.com). A partir de quinta-feira, o torcedor poderá adquirir entradas também nas bilheterias e em diversos pontos de venda.

Os valores dos ingressos para o duelo de sábado são os seguintes, com meia-entrada para todos os setores: arquibancadas verde e amarela, R$ 20; arquibancada laranja, R$ 20; cadeira laranja, R$ 30, cadeira descoberta, R$ 80; cadeira coberta azul, R$ 160; arquibancada visitante lilás, R$ 20; tobogã, R$ 20.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.