Palmeiras espera propostas por Lopes

Ainda sem técnico e prometendo não fazer grandes investimentos para 2002, o Palmeiras pode ganhar um reforço de caixa. Na próxima segunda-feira, os diretores de futebol do clube, Sebastião Lapola e Américo Faria, vão se reunir com o empresário carioca Léo Rabello para definir o futuro do meia Lopes, que pode se transferir para o futebol europeu.O empresário, dono de 50% do passe de Lopes - a outra metade é do Palmeiras -, estava na Europa fazendo contatos com dirigentes e retorna neste fim de semana, trazendo na mala algumas propostas para negociar o meia. Olympique de Marselha, da França, e a Lazio, da Itália, seriam os interessados. "Não vou fazer nenhum comentário antes de ter algo de concreto", limitou-se a dizer Américo Faria, que garante não ter recebido nenhuma proposta oficial. Lopes tem contrato até 2004.Nesta reunião também será definido se o atacante Tuta, com contrato até dia 31, permanece no Palestra Itália ou volta ao Flamengo. "Quero ficar no futebol de São Paulo", disse o jogador, que está em Birigüi, onde aguarda contato de Lapola ou Américo Faria. "Muitos dizem que fui dispensado, mas ainda não recebi nenhuma notificação do clube", concluiu.Embora de férias, Tuta faz tratamento com o médico Marcelo Saragiotto, do Palmeiras, por causa de uma contratura na coxa direita. Apesar da vontade de ficar, ele deve sair. O diretor de futebol do Flamengo, Walter Oaquim, pediu o retorno do atleta ao Rio. "Ele está nos planos para 2002", avisou o dirigente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.