Palmeiras está de olho no zagueiro Edu Dracena

Caso não consiga trazer Danilo, do Atlético-PR, diretoria tentará a contratação do jogador do Fenerbahce

Martin Fernandez, Jornal da Tarde

14 de dezembro de 2008 | 20h03

O Palmeiras continua tentando a contratação do zagueiro Danilo, do Atlético-PR. Mas enquanto o negócio não é concluído - o alviverde reclama que o clube paranaense pediu demais - já há um plano B em andamento. Veja também:Tabela e calendário do Paulistão 2009Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Neste domingo, o clube entrou em contato com Edu Dracena, do Fenerbahce, que tem contrato até a metade de 2010. O zagueiro foi comandado por Vanderlei Luxemburgo no Cruzeiro em 2003. Juntos, conquistaram o Campeonato Brasileiro. "Continuamos tentando o Danilo, mas a negociação não é tão simples", declarou no sábado o vice de futebol, Gilberto Cipullo. "Por isso vamos atrás de outros zagueiros também." O cartola não citou nomes, mas já se sabe que, além de Edu Dracena, está na mira o argentino Neri Cardozo, do Boca Juniors. A defesa foi, de longe, o ponto fraco do Palmeiras no Campeonato Brasileiro. Para 2009, o Verdão não terá Martinez, que já acertou com o Cerezo Osaka, do Japão, e não sabe se poderá contar com Gladstone (que pertence ao Cruzeiro) e Gustavo, que é da Traffic e pode ser negociado. DESMANCHEEnquanto a indefinição política prossegue e os reforços não chegam, as dispensas continuam. Ontem, o diretor de futebol Genaro Marino afirmou que o atacante Lenny e o volante Léo Lima devem deixar o clube. Em entrevista à Rádio Record, Marino detonou os dois jogadores, contratados no início de 2007. "O Lenny não mostrou no segundo semestre o que um atacante do Palmeiras precisa mostrar", declarou. "E o Léo Lima é um bom profissional, foi importante, mas por conta da projeção que o Palmeiras quer, a característica está diferente." O lateral-esquerdo Leandro será devolvido ao Porto e também não fica no Palestra, assim como Élder Granja, Leandro, Denilson e Maicosuel.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasEdu Dracena

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.