Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras faz atividade com reservas e aguarda volta de Felipe Melo

Em treino fechado, time se reapresenta após derrota em clássico e espera contar com o volante para jogo com o Vitória

O Estado de S. Paulo

13 de julho de 2017 | 20h04

A quinta-feira após a derrota para o Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro, foi de privacidade e pouca movimentação no Palmeiras. O elenco se reapresentou na parte da tarde, na Academia de Futebol, sem a presença dos titulares em campo. Quem atuou na quarta-feira, no Allianz Parque, fez trabalhos regenerativos, enquanto os reservas trabalharam junto como oito atletas do sub-20.

O clube decidiu fechar o acesso do treino aos jornalistas e não realizar entrevistas coletivas. A programação volta ao normal nesta sexta-feira, quando o técnico Cuca comanda atividade durante uma hora com os portões fechados e na sequência, concede entrevista coletiva.

O próximo compromisso do Palmeiras é contra o Vitória, domingo, no Allianz Parque. A principal mudança em comparação ao time derrotado pelo Corinthians por 2 a 0 é a suspensão do volante Thiago Santos, punido com o terceiro cartão amarelo. Existe a possibilidade de a vaga dele ser ocupada por Felipe Melo, que está recuperado de lesões na mão esquerda e na coxa direita.

A torcida já comprou 28 mil ingressos para a partida e o elenco confia na reação como mandante para se redimir de duas derrotas consecutivos no Brasileiro. "É passado. Agora vamos levantar a cabeça e trabalhar para reagir. Temos que mostrar isso já contra o Vitória. Futebol é resultado e a torcida tem todo o direito de cobrar. Então vamos fazer a nossa parte e continuar com firmeza no Brasileirão", disse o atacante Keno ao site oficial do clube.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.