Cesar Greco/Palmeiras
Cesar Greco/Palmeiras

Palmeiras faz contra o Fortaleza último ensaio com titulares antes da final da Libertadores

No Castelão, Abel deve escalar força máxima a uma semana da decisão continental

Ricardo Magatti, O Estado de S.Paulo

20 de novembro de 2021 | 05h00

A controvérsia a respeito da escalação de reservas de Abel Ferreira no clássico com o São Paulo ficou para trás. Neste sábado, às 19h, diante do Fortaleza, no Castelão, pela 34ª rodada do Brasileirão, o Palmeiras deve entrar em campo com força máxima e fará o último jogo com os titulares antes da final da Libertadores, daqui a uma semana, no Uruguai.

O Palmeiras havia emplacado uma série de sete partidas sem derrota no Brasileirão, mas perdeu os dois últimos jogos para Fluminense e São Paulo. Apesar disso, tem uma posição confortável no G-4, com 58 pontos na terceira colocação. O plano é se recuperar no torneio nacional para ganhar confiança a sete dias de decidir o título continental pela segunda temporada seguida. O Fortaleza, seu adversário deste sábado, é o sexto colocado, com 49 pontos.

Abel Ferreira havia planejado há algum tempo com o Núcleo de Saúde e Performance do clube a escalação com suplentes no Choque-Rei. Apenas Weverton e Marcos, dos titulares, começaram a partida. A estratégia rendeu críticas porque se tratava de um clássico com a possibilidade de afundar o rival e, principalmente, porque a equipe jogou mal e foi dominada.

Mas o treinador português não se importou com os questionamentos e indicou que era um risco que valia a pena correr. "Eu sou pago para tomar decisões, sei há quanto tempo estou aqui, o que nos trouxe até aqui e o elenco que tenho. Podem ter certeza absoluta, temos um plano e vamos segui-lo até o fim, aconteça o que acontecer".

O cronograma previa mandar reservas contra o São Paulo e não diante do Fortaleza porque, se isso acontecesse, os atletas ficariam dez dias sem atuar antes da final da Libertadores, o que não é recomendado pelos fisiologistas.

Com isso, o português deve usar o que tem de melhor, ou quase isso, neste sábado, no duelo da 34ª rodada do Brasileirão. E depois dará descanso aos seus principais atletas na terça-feira, quando o Palmeiras enfrenta o líder Atlético-MG no último compromisso antes de embarcar para o Uruguai.

Certo é que Gustavo Gómez e Piquerez voltam após servirem às suas seleções nas Eliminatórias para a Copa do Mundo e Felipe Melo e Dudu retornam depois de cumprirem suspensão. Todos que estiverem bem fisicamente vão para o jogo.

O Fortaleza passa por um período conturbado após cinco jogos sem vencer. A última das quatro derrotas foi a mais dura. Na quarta-feira, o time do argentino Juan Pablo Vojvoda levou 4 a 0 do arquirrival Ceará. O revés no clássico ampliou a pressão, mas não há racha no grupo, segundo o presidente Marcelo Paz. "Nada justifica, não há uma justificativa plausível, nem mesmo desfalque, cansaço, todo clube tem desfalques, todo clube tem cansaço. É queda de performance mesmo, crise técnica", argumentou o mandatário.

Por questões contratuais, Vojvoda não poderá contar com o meia Lucas Lima. Por conta de lesão, Lucas Crispim está fora, e o atacante David é dúvida para o duelo. Não há nenhum novo desfalque por lesão ou suspensão.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA X PALMEIRAS

FORTALEZA - Boeck; Tinga, Titi, Benevenuto; Yago Pikachu, Éderson, Felipe, Matheus Vargas, Bruno Melo; Depietri e Robson. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

PALMEIRAS - Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Piquerez; Felipe Melo (Danilo), Zé Rafael e Raphael Veiga; Gustavo Scarpa, Dudu e Rony. Técnico: Abel Ferreira.

ÁRBITRO - Ramon Abatti Abel (SC)

HORÁRIO - 19h

LOCAL - Arena Castelão

TV - Premiere e TNT

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.