Palmeiras faz oferta e deve manter Maurício Ramos

O zagueiro Maurício Ramos deve continuar no Palmeiras. Durante o jantar comemorativo pelos 95 anos do clube, realizado na noite desta segunda-feira, os dirigentes palmeirenses disseram que estão perto de um acordo com o Iraty (PR), que detém os direitos federativos do atleta.

AE, Agencia Estado

24 de agosto de 2009 | 22h12

O Iraty diz ter recebido uma oferta de R$ 6,2 milhões do Standard Liège, da Bélgica. O Palmeiras, no entanto, pretende adquirir 50% dos direitos de Maurício Ramos. Para conseguir o dinheiro, o clube deve contar com a participação da parceira Traffic.

"Evoluímos na conversa e posso afirmar que a chance do jogador continuar no Palmeiras é de 95%", explicou o vice-presidente de futebol, Gilberto Cipullo. "A vontade do atleta é de continuar e o negócio deve ser concluído nesta terça-feira."

Se Maurício Ramos permanecer, o Palmeiras cumprirá a promessa do presidente Luiz Gonzaga Belluzzo, que garantiu a manutenção do elenco até o final do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.