Palmeiras faz proposta para Kleina e vê acordo próximo

Após ver frustrada a contratação de Paulo Roberto Falcão, o Palmeiras mudou o foco e está próximo de anunciar a chegada de Gilson Kleina como substituto de Luiz Felipe Scolari. A proposta oficial já foi enviada ao técnico da Ponte Preta, que gostou do que foi oferecido, e os últimos detalhes podem ser sacramentados ainda nesta quarta-feira.

DANIEL BATISTA, Agência Estado

19 de setembro de 2012 | 10h45

O Palmeiras enviou uma proposta oficial com salário próximo dos R$ 300 mil mensais para o treinador, que tem contrato com a Ponte Preta até o fim do ano com multa rescisória. Entretanto, como o vínculo está próximo do término, o valor da rescisão de contrato com o time de Campinas é relativamente baixo. O contrato oferecido pelo Palmeiras a Kleina seria válido até o final de 2013.

"Estamos esperando que até o fim do dia a gente acerte tudo e anuncie e amanhã (quinta-feira) ele já dá o primeiro treino. O bom é que a atividade deve ser fechada (sem a presença da imprensa), então dá para ele conversar com a equipe tranquilamente", disse um dirigente do Palmeiras, que pediu anonimato. O Palmeiras treina até o final da semana em Itu e somente as atividades desta quarta e sexta-feira serão abertas para a imprensa.

A conversa com Kleina começou na semana passada e mesmo enquanto negociavam com Falcão, os dirigentes continuaram falando com o treinador da Ponte Preta, que no ano passado chegou a receber uma proposta do Fluminense, mas preferiu permanecer no time paulista.

O anúncio oficial depende apenas de uma conversa do treinador com os dirigentes da Ponte Preta para explicar os motivos de sua saída. Antes do interesse do Palmeiras, Kleina negociava uma renovação de contrato e exatamente por isso, existe um temor de que na hora de comunicar sua saída do clube, o treinador seja convencido pelos dirigentes da Ponte a permanecer. "Essa chance existe, claro, mas acreditamos que dessa vez vamos conseguir fechar com Kleina", disse um dirigente do Palmeiras.

Além do fator financeiro, se concretizar o acerto com o Palmeiras, Kleina vai realizar o sonho de chegar a um time de ponta do futebol brasileiro e com um grande desafio, já que o time do Palestra Itália ocupa a penúltima colocação do Brasileiro, com apenas 20 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.