Cristiane Mattos
Cristiane Mattos

Palmeiras fica muito próximo de acerto com fornecedor esportivo

Novo acordo deve ser válido até o fim de 2016

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

18 de agosto de 2015 | 07h00

Após quase um ano de negociação, Palmeiras e Adidas estão muito perto de acertarem a renovação de contrato para que a empresa continue como fornecedora de material esportivo do clube até dezembro de 2016. A intenção, inclusive, é acertar tudo ainda essa semana para o acordo ser anunciado antes do aniversário do clube, que acontece dia 26.

Para as negociações avançarem foi preciso que os dois lados cedessem nas conversas. A empresa aumentará os cerca de R$ 17 milhões, que é o valor pago atualmente, mas deve diminuir a quantidade do material esportivo fornecido ao clube.

O contrato era válido até dezembro do ano passado, mas as duas partes fizeram um acordo e firmaram um novo vínculo até o fim deste ano com valores menores de mercado, para que pudessem negociar tranquilamente neste período.

O sonho de Paulo Nobre, presidente do Palmeiras, era conseguir valores próximos dos R$ 35 milhões que o Flamengo recebe da Adidas, mas o clube deve receber cerca de R$ 20 milhões.

Uma outra empresa apareceu interessada e chegou a formalizar uma proposta, mas as conversas não avançaram. Um dos trunfos da diretoria palmeirense é o fato de o clube ser o quinto que mais vende camisas da Adidas do mundo, atrás apenas de Real Madrid, Milan, Chelsea e Bayern de Munique. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.