Arquivo/AE
Arquivo/AE

Palmeiras folga, mas Diego Souza encara julgamento

Meia deverá comparecer no TJD para dar explicações sobre a expulsão na semifinal do Campeonato Paulista

AE, Agencia Estado

18 de maio de 2009 | 10h10

O elenco do Palmeiras ganhou o dia de folga nesta segunda-feira, numa rara semana livre de jogos até domingo, mas um jogador não vai poder descansar: o meia Diego Souza tem presença confirmada no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Federação Paulista de Futebol, a partir das 17h30, para o julgamento por sua expulsão no segundo jogo contra o Santos, pelas semifinais do Campeonato Paulista.

Veja também:

link Luxemburgo se irrita com críticas de Marcos ao Palmeiras

link Palmeiras perde para os reservas do Internacional por 2 a 0

especial Visite o canal especial do Brasileirão

especial Jogue o Desafio dos Craques

tabela Brasileirão Série A - Classificação e Calendário

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

 

Diego se envolveu numa discussão com o zagueiro Domingos, do Santos, e será julgado em dois artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. O de pena mais pesada é o 253, prática de agressão física, que prevê suspensão de 120 a 540 dias. O 255, ato hostil, pode suspender o atleta por até três jogos.

Os advogados do Palmeiras tentarão desqualificar a acusação mais forte, a fim de evitar uma pena por tempo, que será obrigatoriamente estendida para o Brasileiro e também para a Libertadores. Se a suspensão for em jogos, Diego só terá de cumpri-la no Paulistão de 2010.

Os jogadores se reapresentam apenas na terça-feira à tarde, quando treinam e seguem para Atibaia, onde ficarão concentrados até sexta-feira. No domingo, a equipe busca a reabilitação no Brasileiro diante do São Paulo, no Palestra Itália, e na quinta, dia 28, a enfrenta o Nacional, também em casa, pelas quartas-de-final da Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.