Palmeiras ganha e está na Libertadores

O Palmeiras garantiu vaga na fase principal da Copa Libertadores. A classificação veio nesta quarta-feira à noite, com a vitória sobre o paraguaio Tacuary, por 2 a 0, no lotado Palestra Itália. Ricardinho marcou os dois gols palmeirenses - um no começo do primeiro tempo e outro no final do jogo.Com a vitória, o Palmeiras entra no grupo 4 da Libertadores, junto com Santo André, Cerro Porteño (PAR) e Deportivo Táchira (VEN). A estréia será dia 2 de março, em Assunção, contra o time paraguaio.O primeiro gol do Palmeiras saiu logo, para alegria da torcida que lotou o estádio. Aos 3 minutos, Cristian bateu falta e Ricardinho, livre dentro da área, não precisou nem pular para cabecear: 1 a 0.Com a vantagem inicial, o time palmeirense tentou valorizar a posse de bola, exagerando na troca de passes no meio-de-campo. Mas perdeu a objetividade, enquanto o Tacuary continuava cauteloso, marcando em seu campo de defesa. Aos poucos, o Tacuary foi ganhando coragem e começou a ameaçar, principalmente quando as jogadas saíam dos pés de Román, o jogador mais lúcido do time paraguaio. Aos 29, ele deixou Silva livre para chutar: Sérgio defendeu. Três minutos depois, foi a vez de Ortellado ganhar um belo passe e testar o goleiro do Palmeiras: nova defesa de Sérgio.No final do primeiro tempo, Warley ainda desperdiçou ótima chance. Lançado por Ricardinho, o atacante tentou encobrir o goleiro do Tacuary, mas chutou com muita força.Aos 14 minutos da segunda etapa, o Palmeiras sofreu duas baixas. O zagueiro Nen sentiu a contusão do tornozelo esquerdo e pediu para sair. Entrou Gabriel. E Claudecir fez uma falta violenta e foi expulso. Preocupado, o técnico Estevam Soares tirou o atacante Warley e colocou o volante Corrêa.O Tacuary se empolgou e foi ao ataque. Chegou a ter um gol corretamente anulado, por impedimento. Foi quando o presidente do clube, Francisco Ocampo, perdeu a cabeça, invadiu o campo para agredir o árbitro e acabou expulso.No final, Ricardinho puxou o contra-ataque e, depois de fazer uma bela jogada, marcou mais um gol. A Libertadores já começou para o Palmeiras.

Agencia Estado,

09 de fevereiro de 2005 | 23h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.