Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Em Goiânia, Palmeiras joga para dar fim à série de 4 derrotas no Brasileirão

Alviverde perdeu as quatro últimas partidas no campeonato e persegue recuperação contra o Atlético-GO

Ricardo Magatti, O Estado de S. Paulo

24 de outubro de 2020 | 21h00

Soberano na Libertadores, da qual foi o melhor time da fase de grupos, o Palmeiras quer levar a boa fase no torneio sul-americano para o Brasileirão. Na competição nacional, o time vem de quatro derrotas seguidas e busca contra o Atlético-GO, neste domingo, às 16h, encerrar essa série negativa para voltar a brigar entre os primeiros.

O Palmeiras sofreu quatro reveses seguidos para Botafogo, São Paulo, Coritiba e Fortaleza e só deu fim a essa sequência ruim na temporada com a goleada por 5 a 0 sobre o Tigre, pela Libertadores. Agora, a missão é vencer o duelo em Goiânia, para voltar a mostrar força no torneio nacional.

Os péssimos resultados consecutivos fizeram o time despencar na tabela e se afastar bastante até da disputa de vaga para a próxima Libertadores. Triunfar é obrigação para retornar à briga pelo G4, e importante para retomar a confiança antes da desafiadora sequência de jogos decisivos no torneio sul-americano e Copa do Brasil. A equipe, treinada interinamente pelo auxiliar Andrey Lopes, está estacionada nos 22 pontos.

Cebola, como é conhecido, vai dirigir a equipe pela terceira partida seguida. Enquanto isso, a diretoria busca um técnico para substituir Vanderlei Luxemburgo. O espanhol Quique Setién, ex-treinador do Barcelona, e o argentino Gabriel Heinze são nomes cotados.

O zagueiro Luan deve ser a novidade da escalação em Goiânia. O defensor está recuperado de lesão, voltou aos treinos e deve herdar a vaga de Gustavo Gómez, suspenso pela expulsão diante do Fortaleza.

Luan participou normalmente dos últimos dois trabalhos na Academia de Futebol. Ele está recuperado de um estiramento muscular na coxa que o deixou de fora de três confrontos e é provável que seja titular diante dos goianos, fora de casa. Com a suspensão de Gómez, o zagueiro tem tudo para formar a defesa com Felipe Melo. Emerson Santos e o jovem Renan são as outras opções para o setor.

Diante do Atlético-GO, além do paraguaio Gómez, o Palmeiras também não terá o atacante Gabriel Veron e o volante Danilo, que estão com a seleção brasileira sub-20 em fase de treinos, em Itu. Eles também vão desfalcar a equipe no primeiro jogo das oitavas da Copa do Brasil contra o Red Bull Bragantino, na próxima quinta-feira, em Bragança. Rony deve ser o titular no lugar de Veron. No meio, Patrick de Paula retorna.

Os laterais Marcos Rocha e Lucas Esteves seguem se recuperando de problemas musculares e continuam fora. Mayke é o substituto natural na direita, mas ele foi um dos piores em campo contra o Fortaleza e o treinador decidiu improvisar Gabriel Menino no setor contra o Tigre. O jovem, que celebrou mais uma convocação para a seleção brasileira nos próximos compromissos da Eliminatórias, teve bom desempenho diante dos argentinos e a tendência é de que siga na função.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO: Jean; Dudu, João Victor, Éder e Nicolas; M. Freitas, M. Vargas (M. Frizzo) e Chico; Janderson, Zé Roberto e Ferrareis. Técnico: Eduardo Souza.

PALMEIRAS: Weverton; Gabriel Menino (Mayke), Luan, Felipe Melo e Viña; Patrick de Paula, Zé Rafael e Raphael Veiga; Rony, Wesley e Luiz Adriano. Técnico: Andrey Lopes (interino).

ÁRBITRO - Savio P. Sampaio (DF)

LOCAL: Estádio Olímpico, em Goiânia (GO)

HORÁRIO: 16h.

NA TV - Globo e Premiere.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.