Palmeiras jogará Copa Sul-Americana com time misto

'Vou fazer o que sempre faço: mesclar uns quatro ou cinco que não vem jogando com freqüência', explica Luxa

Juliano Costa, Jornal da Tarde

30 de julho de 2008 | 20h09

O planejamento do Palmeiras para a Copa Sul-Americana já está pronto. Vanderlei Luxemburgo vai inscrever seus 25 principais jogadores na competição, mas escalará times mistos nos duelos de mata-mata com o Vasco, na primeira fase do torneio. O jogo de ida é no dia 13, em São Januário, e a volta será em 17 de setembro, no Palestra Itália. "Vou fazer o que eu sempre faço: mesclar uns quatro ou cinco que não vem jogando com freqüência àqueles que são titulares no Brasileiro", diz o treinador. A tendência é que jogadores mais veteranos, como o goleiro Marcos (34 anos), o lateral-esquerdo Leandro (30) e o atacante Alex Mineiro (33) dêem lugar a Bruno (23), Jefferson (19) e Jorge Preá (24), respectivamente.A maior expectativa gira em torno de Bruno. No clube, muitos se referem a ele como um goleiro "melhor que o Diego Cavalieri", vendido recentemente para o Liverpool por cerca de R$ 9,5 milhões (parcelados em três anos). "É um garoto de muito futuro", elogia Valdir Joaquim de Moraes, um dos maiores goleiros da história do Palmeiras e hoje auxiliar-técnico de Luxemburgo. "Bruno é inteligente e muito seguro."

Tudo o que sabemos sobre:
Copa Sul-AmericanaPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.