Fábio Menotti/Ag. Palmeiras
Fábio Menotti/Ag. Palmeiras

Palmeiras marca treino e vai estrear no gramado sintético semana que vem

Jogadores vão fazer atividade no Allianz Parque, que deve ser realizada na quarta-feira, dia 12

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

05 de fevereiro de 2020 | 13h12

O Palmeiras vai ter o primeiro contato com o novo gramado sintético do Allianz Parque na próxima semana. A comissão técnica e os gestores da arena combinaram que pelo menos uma das atividades diárias do elenco será no novo piso. O mais provável é o treino da próxima quarta-feira (dia 12) ser no local, já que a inauguração do campo será em 16 de fevereiro, diante do Mirassol, pelo Campeonato Paulista.

O clube e o Allianz Parque já realizaram contatos sobre a realização da atividade. Há a possibilidade de ser marcado até um segundo dia de treino para a ambientação do elenco, possivelmente na sexta-feira. O Palmeiras, a arena e a empresa responsável pela instalação do campo, a Soccer Grass, avaliam a possibilidade de realizar até um evento na semana que vem para marcar o início da era do gramado sintético no estádio.

A administração da arena confirma que a data do treino de quarta-feira já está marcada. O Estado apurou que a obra de instalação do gramado será concluída nesta quarta-feira. Depois disso, o Allianz Parque começará a se organizar para receber um evento religioso no fim de semana (The Send) e voltará a estar disponível para o clube a partir de segunda-feira.

Os jogadores e o técnico Vanderlei Luxemburgo querem utilizar o treino da próxima semana para se ambientar ao novo gramado. Do elenco atual, o goleiro Weverton é quem tem mais experiência ao piso sintético, por ter jogado anteriormente no Athletico, clube que também conta com a tecnologia. Os demais atletas só tiveram oportunidade nesse tipo de piso em jogos, mas não em treinos.

O Palmeiras também vai instalar a grama sintética em um dos campos da Academia de Futebol. A obra começou até antes do que na arena, porém terminará depois. Os funcionários encontraram problemas com a base do piso, de consistência arenosa, e tiveram de trabalhar no reforço dos pavimentos antes de avançar com as camadas e os incrementos do piso sintético.

Uma vistoria do departamento de infraestrutura de estádios da Federação Paulista de Futebol (FPF) é o último passo antes da liberação do gramado para ser inaugurado em jogo oficial. O Allianz Parque receberá no fim de fevereiro um laboratório escocês credenciado pela Fifa para uma outra visita técnica. A empresa Sports Labs vai realizar testes de qualidade para emitir um certificado internacional de qualidade de piso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.