Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras multa e afasta temporariamente Ramires após aparição em balada

Flagrado por torcedores, jogador recebe punição do clube e só voltará a treinar com o time caso teste negativo para covid-19

Ciro Campos, O Estado de S.Paulo

13 de novembro de 2020 | 18h01

A diretoria do Palmeiras puniu nesta sexta-feira o meia Ramires com uma multa. O valor não foi revelado. O jogador foi flagrado por torcedores em uma balada, ação que desrespeita o protocolo interno do clube de prevenção ao novo coronavírus. Além disso, o atleta ficará fora dos treinos enquanto aguarda o resultado de um exame para detectar se está infectado com a covid-19.

O vídeo e as fotos de Ramires em uma casa noturna de São Paulo se espalharam pelas redes sociais nesta sexta. A principal organizada do clube, a Mancha Alviverde, foi um dos perfis a ter divulgado imagens do jogador. O caso com o meia vem justamente em uma semana em que o elenco registra cinco casos de covid-19: Luan, Gabriel Menino, Danilo, Rony e Gabriel Silva.

O Palmeiras tomou conhecimento do caso logo cedo. Ramires se apresentou ao clube no início da tarde de sexta-feira para o treino e passou pelo exame rotineiro de PCR para verificar se existe a contaminação com o novo coronavírus. Logo depois o jogador foi dispensado, voltou para casa e aguarda o resultado para saber se poderá ou não retomar as atividades junto com os demais atletas.

Pelas recomendações médicas da CBF e do próprio Palmeiras, os jogadores devem evitar locais com aglomeração e risco de contágio. Os atletas têm sido orientados a apenas se deslocarem do treino para casa, para não terem contato com outras pessoas e circularem por outros locais com risco de contaminação. Por isso, a postura de Ramires irritou bastante a diretoria alviverde.  

Nesta temporada Ramires disputou 33 partidas e marcou um gol pelo Palmeiras. Diante da repercussão das suas fotos na casa noturna, o meia desabafou nas redes sociais e publicou apenas uma palavra em uma mensagem divulgada no Instagram: "Cansei".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.