Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras não deve ter Felipe Melo e Marcos Rocha para jogo contra o Bahia

Equipe faz treino tático sem a presença dos jogadores em preparação para partida em Salvador

Redação, O Estado de S.Paulo

27 de agosto de 2020 | 17h29

O Palmeiras ainda não deve contar no próximo sábado, contra o Bahia, pelo Campeonato Brasileiro com o retorno de dois titulares que estão lesionados. O lateral-direito Marcos Rocha e o zagueiro Felipe Melo ainda treinam separados do restante do elenco e por enquanto vão continuar como desfalques. A equipe fez um treino na manhã desta quinta na Academia de Futebol voltado ao compromisso, que será em Salvador.

No trabalho, o técnico Vanderlei Luxemburgo separou o elenco em times de 11 jogadores e comandou um trabalho tático focado em orientações individuais e simulação de ações ofensivas e defensivas. As ausências no trabalho foram de Felipe Melo, que tem lesão na coxa esquerda, Marcos Rocha, com problema na coxa direita, e também de Raphael Veiga, em recuperação de trauma no pé esquerdo.

Por outro lado, quem participou normalmente do trabalho foi o lateral uruguaio Matías Viña. O jogador está recuperado de pancada no quadril. Quem também continua fora é o atacante Gabriel Veron. Após sofrer lesão muscular na coxa direita, a revelação palmeirense cumpre processo de transição física para poder retornar ao time.

A possível escalação do Palmeiras para a partida em Salvador é: Uma provável escalação do Palmeiras é Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Viña; Patrick de Paula, Gabriel Menino, Bruno Henrique e Lucas Lima; Rony e Luiz Adriano. A equipe faz nesta sexta pela manhã o último treino antes da viagem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.