Palmeiras negocia a contratação de quatro jogadores do Joinville

Eduardo, Ricardinho, Thiago Real e Lima interessam ao clube alviverde

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

08 Agosto 2012 | 18h42

SÃO PAULO - O Palmeiras estuda a contratação de quatro jogadores do Joinville para a sequência da temporada e disputa da Libertadores do ano que vem. O gerente de futebol do Alviverde, César Sampaio, viajou para Santa Catarina para negociar a contratação do lateral-direito Eduardo, dos meias Ricardinho e Thiago Real e do atacante Lima.

De todos, quem mais agrada aos palmeirenses é Eduardo. O lateral, apontado como um dos melhores jogadores da Série B, tem uma multa estipulada em R$ 2 milhões e o Joinville está disposto a negociá-lo.

“O Sampaio esteve com a gente e demos o valor dos jogadores. Não existe a possibilidade de empréstimo. Figueirense e Bahia já vieram atrás dele, mas seria uma boa para ele ir jogar no Palmeiras, clube que temos um excelente relacionamento”, disse, em entrevista ao Estado, o presidente do Joinville, Nereu Martinelli.

Eduardo Já deu entrevistas no Sul em tom de adeus e disse estar animado com a possibilidade de jogar no Palmeiras.

Sampaio confirma o interesse nos jogadores. “Fomos olhar alguns jogadores do Joinville a pedido da comissão técnica. Coletamos as informações que precisávamos e agora vou conversar com o financeiro para ver a disponibilidade”, explicou o gerente.

O curioso é que o técnico Luiz Felipe Scolari ‘descobriu’ os jogadores depois de uma conversa com Hélio dos Anjos, treinador do Figueirense. O time catarinense realizou um treinamento na Academia de Futebol, no dia 3, e após a atividade os dois treinadores conversaram e Hélio falou sobre Eduardo e os outros jogadores.

Thiago Real pertence ao Coritiba e é uma negociação mais complicada. Já Lima atua como atacante e em sua posição, o Palmeiras tem vários outros jogadores. Já na lateral-direita, com a saída de Cicinho, Felipão conta apenas com Artur. A relação entre Palmeiras e Joinville é boa.

O zagueiro Maurício e o meia Willian, que eram do Palmeiras, foram cedidos ao time catarinense sem ônus. “Se ele sair agora, deve ser para o Palmeiras”, disse Nereu.

Mais conteúdo sobre:
Palmeiras Futebol Campeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.