Twitter/Braga
Twitter/Braga

Palmeiras negocia a contratação do técnico português Abel Ferreira, de 41 anos

Treinador do PAOK, da Grécia, tem conversas adiantadas com o time alviverde e deve sair com pagamento de multa de 6 milhões de euros

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

28 de outubro de 2020 | 14h52
Atualizado 28 de outubro de 2020 | 17h00

A procura do Palmeiras por um técnico estrangeiro pode estar chegando ao fim. O clube tem conversas encaminhadas com o português Abel Ferreira, de 49 anos. Ele está no PAOK, da Grécia, clube que disputa a Liga Europa e recentemente eliminou o Benfica, de Jorge Jesus, na Liga dos Campeões. O acerto pode acontecer nesta quinta-feira ainda. 

O Palmeiras negocia com o clube grego o pagamento da multa rescisória, mas tem um acordo verbal com o treinador de 41 anos e que se mostrou interessado em trabalhar no Brasil. A informação foi divulgada pelo site Goal e confirmada pelo Estadão com representantes do time alviverde. Ocorre que a multa é de 6 milhões de euros, aprocimadamente R$ 42 milhões. O Palmeiras não vai pagar esse valor.

O PAOK, time de Abel Ferreira, jogará nesta quinta contra o Granada, pela Liga Europa, às 17h (horário de Brasília). O treinador deve se manifestar sobre o assunto após a partida e existe a possibilidade de ele já anunciar sua saída. Há cerca de 15 dias, o Palmeiras demitiu o técnico Vanderlei Luxemburgo e deste então tenta contratar um treinador estrangeiro. Miguel Ángel Ramírez aceitou, mas disse que só poderia assumir o cargo após o Independiente Del Valle deixar a Libertadores.

O Palmeiras não quis esperar e foi atrás de Ariel Holan (Universidad Católica), Sebastian Beccacece (Racing-ARG) e Gabriel Heinze, mas as conversas não evoluíram com nenhum deles. Vale lembrar que o Vasco contratou recentemente o português Ricardo Sá Pinto e o Flamengo teve um ano histórico, em 2019, sob o comando de Jorge Jesus, que hoje está no Benfica. 

QUEM É ABEL FERREIRA

Abel Ferreira foi um lateral-direito que só jogou em clubes portugueses. Ele defendeu Penafiel, Vitória de Guimarães, Braga e Sporting. Em 2011, iniciou a carreira como treinador. Após trabalhar no Sporting e Braga, em julho do ano passado deixou Portugal para comandar o PAOK na Grécia. 

O PAOK é o sexto colocado do Campeonato Grego, com nove pontos em cinco jogos. Está invicto. Foram duas vitórias e três empates. Na Liga Europa, a equipe estreou com um empate por 1 a 1 com o Omonia e fará a segunda partida nesta quinta. Ele teria as características que o Palmeiras procura. Não é conhecido pelo elenco. O presidente Maurício Galiotte não quer um novo técnico brasileiro.

Tudo o que sabemos sobre:
Palmeirasfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.