Palmeiras negocia com empresa de Ratinho

O técnico Emerson Leão passou todo o segundo semestre dizendo que preferia trabalhar com jogadores formados no Palmeiras a utilizar atletas de empresários. ?Preciso dar retorno ao clube que trabalho.? Contrariando esta tese, a diretoria palmeirense deve passar a negociar com a empresa Massa Sports, de propriedade de Gabriel Massa, filho do apresentador do SBT Ratinho, em 2006.?O Ratinho quer entrar neste ramo, o Gabriel é o mais novo agente Fifa e o Palmeiras foi escolhido pelo fato de todos serem palmeirenses?, disse Marcos Malaquias, um dos sócios.Segundo Malaquias, a empresa utilizaria o clube como vitrine e, em caso do jogador ?estourar?, ficaria com a parte menor do valor de uma futura negociação. ?Vai depender do negócio. O clube pode ficar com 60%, 70% e o restante seria da Massa Sports.?No site da empresa - www.massasports.com.br - estão listados 11 jogadores, com destaque para o atacante Dagoberto, do Atlético-PR, o meia Adriano, do Cruzeiro e o lateral-direito Rafinha, vendido do Coritiba para o Schalke-04 no meio do ano por 5 milhões de euros, a maior negociação do clube paranaense. ?A idéia é lançar novos jogadores?, afirmou Malaquias.Ratinho visitou o presidente Affonso Della Monica por várias vezes no Palestra Itália. Esteve também no Coritiba, Cruzeiro e Flamengo.Leão, que passa férias no litoral, se surpreendeu com a notícia. ?Mas o Ratinho virou empresário?? O treinador palmeirense desconhece a lista de jogadores que pertencem à empresa de Ratinho. ?Preciso analisar para depois dar o meu aval.?Reforços - O sonho palmeirense de ter o artilheiro Washington chegou ao fim. Segundo o empresário Gilmar Rinaldi, o atacante assinou contrato de dois anos com o Urawa Reds, do Japão, e vai se apresentar em 1.º de janeiro. Washington, que marcou 34 gols no Brasileiro de 2004 pelo vice-campeão Atlético-PR, disputou a atual temporada pelo Verdy Tokyo.A diretoria segue tentando contratar o ex-são-paulino Luís Fabiano, do Sevilla, o ?matador? pretendido por Leão para o ataque.Quem pode vir é o zagueiro Ronaldo Angelim, do Fortaleza. Já a renovação de contrato do goleiro Sergio continua complicada. ?Estamos conversando, mas também temos jogadores jovens para a posição como Diego Cavalieri, Deolla e Bruno?, disse o presidente Della Monica.

Agencia Estado,

15 de dezembro de 2005 | 20h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.