Palmeiras: Pedrinho fala em vingança

Pedrinho só saberá nestaquarta-feira após o treino se vai enfrentar o São Paulo,quinta-feira à noite, no Morumbi. Mas se depender da vontade domeia o clássico do Morumbi terá um sabor especial. "O grupoquer a vitória para devolver as derrotas na Libertadores",disse o jogador, referindo-se à eliminação palmeirense este anonas oitavas-de-final da competição continental. Pedrinho, que não enfrentou o São Paulo nas duasderrotas (1 a 0, no Palestra Itália, e 2 a 0, no Morumbi),demonstra motivação extra para o jogo de quinta, apesar das duasequipes estarem em posições intermediárias na tabela declassificação. "Estamos a dez pontos do líder (Ponte Preta) e, depois do jogo em Caxias (contra o Juventude, dia 07) teremos mais dois jogos em casa (contra Ponte e Inter). Com uma boa seqüência de vitórias, poderemos voltar a brigar pelos primeiros lugares", disse o meia, que cumpriu suspensão no domingo e não jogou no empate diante do Atlético-PR. Se Pedrinho não sabe se joga, Lúcio tem certeza. Olateral-esquerdo não se recuperou de uma contusão no tornozeloesquerdo e será mais uma vez substituído por Fabiano. O goleiro Marcos ficará de fora mais uma vez. Ele treinou nestaterça-feira, não sentiu dores, mas como estava duas semanas semtreinar com bola, só deverá ser aproveitado a partir da próxima semana. Além de definir se joga com três meias (Juninho,Pedrinho ou Marcinho) ou retira um para manter o centroavanteGioino, o técnico Emerson Leão deve anunciar nesta quarta aescalação de Correa na lateral-direita no lugar de Baiano. Otreinador gostou da atuação do jogador contra o Atlético-PR. Aliás, nesta terça Leão passou toda a manhã reunido comfuncionários e diretores do clube traçando normas para asfuturas mudanças na Academia de Futebol. Segundo o diretor JoséCiryllo Jr., já está certo que as categorias de base do clubepassarão a treinar no CT de Guarulhos. Outro ponto acertado é que os alojamentos que serãoconstruídos servirão apenas para abrigar os jogadores nos diasde treinos em dois períodos. "Se você colocar na ponta do lápis concentrar a equipe em hotel ainda é mais em conta", afirmou odiretor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.