Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Palmeiras joga no Rio para acabar com jejum fora de casa

Equipe foi derrotada nos últimos cinco jogos como visitante

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

16 de setembro de 2015 | 07h30

O Palmeiras quer aproveitar a crise do Fluminense, que não vence há seis jogos, para se firmar na briga pelo G-4. A partida também é uma chance para o Palmeiras retomar as vitórias fora de casa no Brasileirão – foram cinco derrotas nas últimas partidas como visitante. 

O principal trunfo é o retorno do volante Arouca, afastado da equipe nos últimos dois jogos por desgaste físico. Na frente, Lucas Barrios está recuperado de uma lesão muscular, mas sua escalação não esta confirmada. Além disso, ele será julgado hoje pelo STJD por causa de uma disputa com Leandro Damião no jogo contra o Cruzeiro pela Copa do Brasil. Pode ser suspenso por um a três jogos. No treino de ontem, o técnico Marcelo Oliveira preferiu Alecsandro entre os titulares. 

A defesa está confirmada. O substituto de Vitor Hugo, suspenso, será Victor Ramos, que jogará ao lado de Jackson. “Eles estão em uma fase decrescente, mas não podemos deixar o time deles reagir”, disse Jackson. 

Torcedores do Fluminense invadiram as Laranjeiras para protestar contra a má fase da equipe, e o treino de ontem foi interrompido por dez minutos. Os principais alvos foram o presidente Peter Siemsen e os jogadores Fred, Gum e Ronaldinho Gaúcho, que não tem presença confirmada no jogo de hoje depois de ter sido afastado para recuperar a forma física. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.