Palmeiras perde a segunda consecutiva pelo Paulistão

Equipe de Vanderlei Luxemburgo joga mal e já soma três partidas sem vitória; 'crise' no Palestra Itália

Alan Rafael Villaverde, estadão.com.br

02 de fevereiro de 2008 | 19h59

Sem contar com Valdívia - suspenso - o Palmeiras perdeu por 1 a 0 para o Noroeste na tarde deste sábado, em Bauru, em partida válida pela sexta rodada do Campeonato Paulista. Esta é a segunda derrota consecutiva da equipe do técnico Vanderlei Luxemburgo, que começa a ter seu trabalho questionado, já que a equipe não vence há três rodadas.Veja também: Classificação Calendário / Resultados  Apesar da derrota, Luxa elogia nova atitude do PalmeirasCom o resultado, o Palmeiras continua com oito pontos, cada vez mais distante da zona de classificação à próxima fase, enquanto o Noroeste chegou aos 10 pontos, recuperando-se de um fraco começo de campeonato. Irritado com a atuação da defesa nos últimos dois jogos, Luxemburgo mudou o esquema, passando para o 5-5-2, com o garoto Maurício ao lado de Gustavo, assim como Henrique, que foi contratado junto ao Coritiba, mostrando que a 'culpa' pela derrota diante do Ituano teria sido do zagueiro Dininho.Além de escalar o time com três zagueiros, o treinador palmeirense arriscou e colocou Diego Souza como um "falso" atacante ao lado de Alex Mineiro. Tais modificações ajustaram a defesa, mas o ataque foi inoperante durante todo o primeiro tempo. Mesmo assim, o volante Martinez acreditou que a equipe jogou bem: "Tivemos boas chances para marcar no primeiro tempo. Temos que mudar apenas algumas coisas para marcarmos o gol no segundo." Noroeste1Fabiano; Éder (Leandrinho), Bonfim, Anderson Marques e Leandro (Vandinho); Julio    , Ralf, Gilsinho     (Marcelo Santos) e Edno; Luciano Bebê e Otacílio NetoTécnico: Márcio Bittencourt Palmeiras0Diego Cavalieri; Henrique, Gustavo      e Maurício (Francis); Elder Granja     , Pierre, Makelele (Lenny, e depois Wendel), Martinez e Leandro; Diego Souza     e Alex MineiroTécnico: Vanderlei LuxemburgoGols: Vandinho, aos 40 minutos do segundo tempoÁrbitro: Robério Pereira PiresRenda: R$ 259.860,00Público: 10.042 pagantesEstádio: Alfredo de Castilho, em Bauru (SP)As palavras de Martinez foram ouvidas por Luxemburgo, que optou por recolocar Diego Souza como meia ao tirar Makelele para a entrada de Lenny. No começo da segunda etapa, a modificação parecia que surtia algum efeito, mas foi ilusão. O Palmeiras continuou a sentir a falta da armação de Valdívia, assim como a falta de ritmo de Diego Souza.Para piorar, o Palmeiras sofreu um duro golpe com a expulsão de Elder Granja, aos 25 minutos. Desta forma, Lenny foi sacado para a entrada da Wendel para recompor a defesa. Já o Noroeste, aproveitando o momento de instabilidade palmeirense, aproveitou as jogadas pelas laterais para concretizar sua vitória aos 40 minutos, quando Vandinho cortou para dentro e chutou forte, no canto esquerdo de Diego Cavalieri, dando início à "crise" no Palestra Itália.Na próxima rodada, o Palmeiras enfrenta o Guaratinguetá na próxima quarta-feira, às 21h45, enquanto o Noroeste encara o Rio Preto no mesmo dia, às 19h30, em São José do Rio Preto.

Tudo o que sabemos sobre:
Paulistão A-1PalmeirasNoroeste

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.