Palmeiras perde na estréia na Mercosul

O Palmeiras não fez boa estréia na Copa Mercosul. Sofreu uma derrota, de virada, para o Universidad do Chile por 2 a 1 em Santiago e poderia ter sido muito pior não fosse o goleiro Sérgio. Apesar de ter falhado no segundo gol, o jogador do Alviverde defendeu um pênalti no primeiro tempo e realizou pelo menos cinco importantes defesas, evitando um desastre.O início do primeiro tempo foi equilibrado, com as duas equipes se estudando e buscando o contra-ataque. Sérgio brilhou logo aos 7 minutos, defendendo um pênalti cobrado por Gonzáles. O Palmeiras abriu o marcador aos 25 minutos quando Arce, em sua jogada tradicional, cobrou falta fora da grande área com grande força e precisão, sem defesa para o goleiro Herrera.O gol fez o time chileno reagir. Depois de várias jogadas perigosas de Cáceres e Gonzáles, que só não viraram gol por causa das defesas de Sérgio, Tampe cobrou falta de longa distância, aos 45 minutos,no canto do gol, sem defesa para o goleiro.No segundo tempo, o panorama do jogo mudou e o Universidad de Chile passou a dominar totalmente a partida. Sérgio continuou fazendo grandes defesas em chutes de longa distância, mas falhou no segundo gol chileno. Garrido cobra falta aos 7 minutos. A bola passa ao lado da barreira e do corpo do goleiro palmeirense, que só viu abola entrar. Daí para frente, a situação do alviverde só píorou. Donizete, que vinha fazendo boa estréia saiu contundido e o Universidad de Chile continuou pressionando com perigo, porém o resultado foi mantido.Leia também:São Paulo goleia Peñarol na estréiaCruzeiro perde para o IndependienteVasco começa na Mercosul com derrota Fla estréia com vitória na MercosulGrêmio arrasou River Plate

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.