Palmeiras pode pedir liberação de Henrique da seleção

A diretoria do Palmeiras prometeu agir se a primeira partida das oitavas de final da Copa Libertadores contra o Tijuana for marcada para a próxima semana. Nesse caso, o clube vai pedir para a CBF liberar o zagueiro Henrique, convocado para o amistoso da seleção brasileira contra o Chile, na próxima quarta-feira, para que não atue desfalcado no México.

DANIEL BATISTA, Agência Estado

19 de abril de 2013 | 13h17

"Não acredito que o jogo seja já na próxima semana. O Henrique é um jogador muito importante. Valorizamos o fato de ele ter sido convocado para a seleção brasileira. Se acontecer, vamos tentar solucionar da melhor maneira possível. Primeiro precisamos esperar o problema surgir", disse Omar Feitosa, gerente de futebol do Palmeiras.

Além de Henrique, o atacante Leandro também foi convocado para o amistoso da seleção brasileira. O jogador, porém, não pode defender o Palmeiras na Libertadores. Assim, o clube não cogita pedir a sua liberação.

Com todos os confrontos das oitavas de final da Libertadores definidos, a Conmebol deve divulgar nesta sexta-feira a tabela de jogos da próxima etapa da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.