Palmeiras pode ter Daniel e Assunção

O técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo, admitiu que está tentando encontrar uma formação que deixe o time mais veloz, "mais leve em campo". Por esse motivo, o treino de hoje serviu para testar duas novas alternativas para o jogo contra o Fluminense no domingo pelo Torneio Rio-São Paulo. O técnico improvisou o lateral-direito Daniel na lateral-esquerda, vaga que vinha sendo ocupada por Adalto e Paulo Assunção como volante no lugar de Galeano. "Estou fazendo algumas experiências, ainda estou ajustando o time", disse Luxemburgo após o treino, sem dar certeza de que os dois realmente serão titulares. Paulo Assunção, aparentemente, parece ter as melhores chances de jogar pois o treinador aprovou seu estilo mais técnico. "Pessoalmente gosto muito da leveza e da saída de bola dele", elogiou o treinador, que já anunciou a presença de Galeano, recém-recuperado de uma contusão, no banco de reservas e a ausência de Magrão, contundido. Paulo Assunção e Daniel comemoraram a chance, apesar do time, líder do Rio-São Paulo, estar sofrendo fortes cobranças por parte da torcida. "Fria é ficar fora do time titular", disse Daniel. O jogador, que é reserva de Arce, confessou que, para continuar atuando, está revendo a posição que tomou em outras ocasiões de apresentar uma certa resistência em jogar improvisado. Agora admite que pode investir em uma mudança definitiva de posição, "já que o time está precisando." A escalação para ser titular no coletivo surpreendeu Paulo Assunção, que só fez parte da equipe, na reserva, em uma partida na temporada. "Na verdade estava tentando ser relacionado para o banco", admitiu o jogador, satisfeito com a oportunidade. "Agora quero agarrá-la para continuar jogando."

Agencia Estado,

01 Março 2002 | 19h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.