Palmeiras pode ter problemas no gol

?Quem vai no gol?? A pergunta que faz dez entre dez jogadores ? profissionais ou não ? balançarem negativamente a cabeça também poderá ser feita no Palmeiras no primeiro semestre de 2006 sem que nenhum candidato apareça. Com a provável ida do titular Marcos para a Seleção Brasileira para a disputa da Copa do Mundo, exatamente na época da disputa da Copa Libertadores, o substituto ideal seria o reserva Sérgio. Mas...?Estamos muito longe de um acerto para a renovação de contrato. Gostaria de continuar, mas a diferença é grande?, lamenta o goleiro, há 17 anos no Palmeiras e que tem contrato com o Verdão só até o próximo 31 de dezembro. Álvaro Serdeira, procurador do jogador, é mais incisivo. ?O Palmeiras fez sua oferta e, como não existem novas conversas agendadas, entendemos que o Sérgio está aberto ao mercado?, afirma o procurador, revelando que já recebeu propostas de três times: Santos, Atlético Mineiro e Fluminense. A situação não é bem vista pelo técnico Emerson Leão, que solicitou a renovação do contrato de Sérgio, prevendo a ausência de Marcos. Alguns dirigentes, no entanto, gostariam de uma renovação no gol do Palmeiras e que os novos talentos tivessem mais chances.?Construí toda a minha carreira no Palmeiras, tenho família em São Paulo, mas se tiver de mudar, não tem problema?, diz Sérgio, ensaiando o discurso de despedida.Mesmo com a indefinição no gol, o Palmeiras continua se reforçando para a próxima temporada. O novo contratado é o zagueiro Douglas, que disputou o Campeonato Brasileiro pelo São Caetano e havia sido destaque do América de São José do Rio Preto no Campeonato Paulista. Douglas foi indicado pelo próprio técnico palmeirense e, para ser atleta do Verdão, só falta a assinatura do contrato. Agora, cinco jogadores serão apresentados em 27 de dezembro: Amaral, que já vestiu a camisa palmeirense; Paulo Baier, Edmundo, Márcio Careca e Enílton. E o diretor de futebol Salvador Hugo Palaia promete mais. Depois do Natal, o diretor quer comemorar a Páscoa com a torcida palmeirense. ?Estamos preparando um presente de Páscoa para a torcida?, diz, sorridente e misterioso. Um nome provável é o de Rivaldo, sonho antigo do Verdão e que tem contrato com o Olympiakos, da Grécia, até o mês de maio. Rodrigo Fabri, desligado do Atlético Mineiro, também já foi sondado.

Agencia Estado,

11 de dezembro de 2005 | 19h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.