Evelson de Freitas/Estadão
Evelson de Freitas/Estadão

Palmeiras precisa se impor para ir à final do Paulistão, diz Kleina

Técnico sabe que terá na torcida uma importante aliada diante do Ituano

Agência Estado

28 de março de 2014 | 11h34

SÃO PAULO - O Palmeiras garantiu sua vaga nas semifinais do Campeonato Paulista com uma vitória relativamente tranquila diante do Bragantino, por 2 a 0, na quinta-feira. Agora, a equipe terá pela frente mais um time do interior, o Ituano, domingo, novamente no Pacaembu. Mesmo que o adversário não seja dos mais tradicionais, Gilson Kleina já alertou seus jogadores para a necessidade de se impor para chegar à decisão do torneio.

"O regulamento está bem definido em nossa cabeça. Em um jogo só pode acontecer de tudo, um empate pode levar para os pênaltis. Temos de manter a nossa atitude e nos impor. São 90 minutos, mas sabemos bem o que temos de fazer. O torcedor nos apoia e dá muito mais confiança ao elenco", declarou o treinador.

Kleina espera encontrar dificuldades no domingo, mas sabe que terá na torcida uma importante aliada diante do Ituano. Na quinta-feira, mais de 25 mil palmeirenses foram ao Pacaembu para ver o jogo contra o Bragantino e o número deverá ser ainda maior na semifinal.

"Jogar no Pacaembu é especial. Compramos a ideia, é a nossa casa momentânea. A torcida vem e a gente vê a força palmeirense. Fazer todas as decisões aqui é um diferencial. Hoje (quinta) tivemos a presença do nosso torcedor, e que domingo a gente possa estar com o Pacaembu lotado porque é outro jogo decisivo", disse Kleina.

O técnico palmeirense fez questão de elogiar a atuação de seus comandados na vitória de quinta. "Sabíamos que seria um jogo de muita marcação. Pegamos um adversário que veio para jogar por uma bola. Tivemos paciência, houve momentos em que aceleramos", comentou. "Tivemos alguns contra-ataques, estávamos forçando a bola pelo meio e até tivemos dificuldades para chegar ao gol adversário. Mas a vantagem de sair com um gol na frente e manter a marcação alta dificultou para o adversário chegar. Foi uma vitória consistente."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.