Cesar Greco|Agência Palmeiras
Cesar Greco|Agência Palmeiras

Palmeiras procura clube para emprestar Leandro Almeida

Zagueiro tem contrato até junho de 2019

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

11 de maio de 2016 | 07h01

O zagueiro Leandro Almeida não viajou para Atibaia, onde o elenco do Palmeiras se prepara visando a disputa do Campeonato Brasileiro e o defensor não está nos planos do técnico Cuca para a sequência da temporada. O problema, porém, é que a diretoria alviverde não consegue encontrar interessados em contar com o atleta e aceite pagar o seu salário.

Leandro Almeida tem contrato com o Palmeiras até junho de 2019 e desde que falhou contra o São Bento, durante o Campeonato Paulista, não jogou mais. Ele foi contratado do Coritiba por cerca de R$ 3,2 milhões. Foram pagos R$ 2,5 milhões ao time paranaense e o Palmeiras ainda assumiu uma dívida na casa dos R$ 700 mil que o Coxa tinha com o zagueiro.

Entretanto, apesar de todo investimento e muita negociação, a passagem de Leandro Almeida pelo clube, por enquanto, tem sido muito ruim. Por isso, o clube quer se desfazer dele, mas esbarra na questão financeira. Os times que aparecem interessados nele, não estão dispostos a pagar o salário integral.

Assim, o Palmeiras espera conseguir um interessado que assuma todos os honorários do jogador. Uma segunda opção seria emprestá-lo pagando uma parte do seu salário. O Criciúma, por exemplo, chegou a manifestar interesse nele, mas desistiu pelas questões financeiras e acabou levando Nathan por empréstimo.

Outro que também está de malas prontas para deixar o Palmeiras é o meia Régis. O jogador está emprestado pelo Sport até o fim do ano, mas também nem viajou para Atibaia e está livre para ir embora. O Bahia já acertou com ele, mas ainda aguarda a liberação do time alviverde e do próprio clube pernambucano. 

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolPalmeirasCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.