Divulgação Palmeiras
Divulgação Palmeiras

Palmeiras procura novos talentos até na ilha de Marajó

Dos 400 jogadores observados, três foram selecionados

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

06 de outubro de 2015 | 08h00

O Palmeiras foi procurar novos talentos no estado do Pará. Na semana passada, o avaliador técnico Edvaldo Marques, o Palhinha, fez uma avaliação na Ilha de Marajó. Ao todo, foram quatro dias de avaliação com mais de 400 garotos observados na faixa etária entre 11 e 18 anos. Três foram selecionados e serão observados no decorrer do ano no CT da base do clube, em Guarulhos. 

A viagem em busca de novos jogadores foi uma verdadeira aventura e durou cerca de quatro horas de voo e mais três horas de barco. Na chegada à comunidade de Condeixá, um grande número de pessoas aguardava o representante do Palmeiras. Logo em seguida, a viagem continuou até Salvaterra, onde foi realizada a avaliação. “Foi comum ver torcedores vestindo a camisa do clube”, afirmou Palhinha ao site do clube. 

O Palmeiras aproveitou a visita para conhecer a Sociedade Desportiva Paraense, único clube do Norte do Brasil a possuir o Certificado de Clube Formador da CBF – o Palmeiras foi um dos primeiros a conseguir o diploma. 

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolBrasileirãoPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.