Cesar Greco/ SE Palmeiras
Cesar Greco/ SE Palmeiras

Palmeiras prorroga contrato de Gustavo Gómez até dezembro de 2024

Objetivo é adequar contrato do zagueiro paraguaio com o calendário do futebol brasileiro

Ricardo Magatti, Estadao Conteudo

19 de agosto de 2021 | 18h42

O Palmeiras prorrogou nesta quinta-feira o contrato de Gustavo Gómez, um dos líderes do elenco e principal zagueiro da equipe. O clube publicou no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF a ampliação do vínculo do defensor paraguaio em seis meses. O acordo valia até junho de 2024 e agora se encerra em dezembro de 2024.

A prorrogação foi feita no sentido de adequar o contrato do jogador com o calendário brasileiro, que termina sempre no fim do ano, ao contrário do europeu. Vale lembrar que, em 2020, houve uma longa negociação até o desfecho positivo e a definição da renovação do contrato do paraguaio em julho do ano passado.

Gómez é um dos principais jogadores do elenco, capitão na ausência de Felipe Melo e identificado com a torcida. O paraguaio está desde 2018 no Palmeiras, quando inicialmente foi emprestado pelo Milan, da Itália, que ainda tem de receber cerca de R$ 7,5 milhões pela venda do atleta.

O defensor paraguaio, fundamental nas conquista da tríplice coroa na temporada passada, disputou 142 jogos com a camisa alviverde e marcou 17 gols até o momento.

Gómez e o elenco se reapresentaram nesta quinta-feira depois de ganharem folga na quarta, dia seguinte à vitória categórica por 3 a 0 sobre o São Paulo que garantiu a equipe na semifinal da Libertadores. O atual campeão continental irá enfrentar o Atlético-MG no duelo por uma vaga na final.

"Será a minha terceira semifinal desde que estou no Palmeiras. Fico feliz por isso. Vamos nos concentrar para chegar a mais uma final e brigar pelo tri", disse Gómez nesta quinta-feira.

Os jogos da semifinal serão no fim de setembro, nos dias 21/22 e 28/29. Como está fora da Copa do Brasil, o Palmeiras vai focar apenas no Brasileirão antes dos duelos decisivos da Libertadores. No domingo, às 11 horas, o time de Abel Ferreira encara o Cuiabá no Allianz Parque, pela 17ª rodada. A equipe está na vice-liderança do torneio nacional, com 32 pontos, cinco a menos que o líder Atlético-MG. Ou seja, briga pelo título com rival mineiro em duas frentes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.