Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

Sequência sem 'rivais diretos' pode fazer o Palmeiras embalar

Equipe não enfrenta concorrentes acima na tabela

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

24 de julho de 2015 | 07h00

Já são seis rodadas sem derrotas e com grandes chances de entrar no G-4 do Brasileiro nesta rodada, o Palmeiras tem um final de turno em que não deve enfrentar nenhum adversário que está melhor colocado na tabela, o que pode significar, na teoria, mais facilidades.

O primeiro desafio é contra o Vasco, no Rio, domingo. O time carioca está na zona de rebaixamento. “Quanto o time está em baixa, você acaba não tendo tanta confiança. Jogar contra times que estão à frente na tabela é um pouco mais difícil”, disse o meia Robinho.

Depois, o Palmeiras encara o melhor classificado. O Atlético-PR, no Allianz Parque. A equipe paranaense está na 8ª colocação, com 22 pontos, três a menos que o Alviverde. Caso vença na próxima rodada e o Palmeiras seja derrotado, o Furacão pode até passar a equipe palmeirense.

Em seguida, o adversário é o Cruzeiro, no Mineirão, no primeiro confronto de Marcelo Oliveira contra seu ex-clube. A equipe mineira, bicampeã nacional, está na modesta 12ª colocação, com apensa 17 pontos, oito a menos que o Palmeiras.

Outro que amarga a zona de rebaixamento e estará diante do Palmeiras é o Coritiba. A equipe tem apenas 10 pontos e tentará aproveitar o fato de jogar em casa para superar o alviverde paulista.

E por fim, o Palmeiras se despede do primeiro turno do campeonato contra o Flamengo, novamente na arena palmeirense. O time carioca soma 16 pontos e mostra confiança com a chegada de novos reforços.

Um dos objetivos do elenco comandado por Marcelo Oliveira é conseguir entrar o quanto antes no G-4 para ganhar ainda mais confiança e moral para encarar esses adversários. “A gente sabe da importância de entrar no G-4. Se Deus quiser, na próxima rodada vamos conseguir entrar e depois é se manter, para poder brigar por Libertadores e, quem sabe, um pouquinho mais na frente pode falar em título”, projetou o zagueiro Jackson.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasFutebolBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.