Palmeiras quer mudar atitude para vencer fora de casa

Jogadores falam em jogar no contra-ataque contra o Goiás, no domingo, em Goiânia

AE, Agencia Estado

19 de julho de 2008 | 12h20

O Palmeiras luta para conseguir melhores resultados como visitante no Campeonato Brasileiro. Até agora, a equipe do técnico Vanderlei Luxemburgo conquistou apenas uma vitória fora de casa - foi sobre o Vasco, em São Januário. Além disso, conseguiu dois empates (Portuguesa e Atlético-MG) e três derrotas (Coritiba, Sport e São Paulo). Para melhorar, já neste domingo, contra o Goiás, em Goiânia, os jogadores palmeirenses admitem que o time deve mudar de atitude. "Tem momentos que a gente precisa jogar como time pequeno, fechado atrás e nos contra-ataques", afirmou o lateral-esquerdo Leandro. O discurso foi acompanhado pelo atacante Denilson. "A gente às vezes quer partir com tudo ao ataque para resolver logo a partida e acabamos nos dando al. Podemos entrar em campo estudando mais o adversário e vendo qual a melhor maneira de jogar." O atacante Alex Mineiro não discorda, mas acha que as características de jogo do Palmeiras fazem com que o time tome uma atitude mais ofensiva mesmo atuando como visitante. "Acho interessante mudar um pouco o nosso modo de jogar, mas o estilo será sempre o mesmo. Temos um grupo de jogadores muito técnicos e que jogam ofensivamente por natureza", destacou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.