Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

Palmeiras recebe o Flamengo para mostrar sua real força

Alviverde precisa voltar a vencer no Brasileiro

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

15 Agosto 2015 | 16h59

A dúvida que ronda o jogo neste domingo, às 11h, no Allianz Parque, é sobre qual Palmeiras vai enfrentar o Flamengo. Aquele que ficou sete jogos sem perder e fez muitos torcedores falarem em título ou o que saiu derrotado nas últimas três rodadas sem ter muita coisa de positivo para se escorar – e ainda teve de ouvir o técnico admitir que houve soberba dos seus jogadores.

A derrota para o Coritiba parece ter ligado um sinal de alerta ainda maior para os palmeirenses. Mesmo jogando fora de casa, perder para o lanterna e que estava há oito pontos para sair da zona de rebaixamento, não é algo aceitável para quem aspirava acabar a rodada entre os quatro primeiros. Por isso, Marcelo Oliveira prometeu nova postura e chamou os jogadores para uma longa conversa no treino de sexta-feira. 

Roupa suja lavada, o treinador pode escalar Barrios. Recuperado de dores na panturrilha direita, o paraguaio treinou normalmente e tem grandes chances de começar a partida como titular. Na lateral-esquerda, Zé Roberto substitui o suspenso Egídio.

A preocupação está na marcação, já que o Palmeiras terá pela frente a boa dupla Guerrero e Emerson. Sem Gabriel, seu principal marcador, Marcelo Oliveira deve mudar o posicionamento de Cleiton Xavier e Robinho, para que eles auxiliem Arouca na marcação e deixem o trio Dudu, Rafael Marques e Barrios ou Alecsandro mais livres para atacar e apenas cercar a saída de bola do adversário.Leandro Almeida entra no lugar de Victor Ramos, que está com dores musculares. 

O fato é que a equipe ainda tenta reaprender a jogar sem o Gabriel, para irritação do treinador. “Ele faz falta porque não temos um jogador que marca como ele. É inegável que faz falta, mas temos um elenco de qualidade e não adianta ficar pensando no Gabriel. Não é a ausência de um jogador que vai transformar o Palmeiras.”

Se dentro de campo o time faz feio, fora das quatro linhas a torcida mais uma vez dá um exemplo. Na sexta-feira pela manhã, ela já havia comprado todos os ingressos para o jogo. 

“Não sou muito de chamar a torcida, mas com a presença dela, nossa possibilidade de vitória é muito maior, ainda mais se estiver apoiando, e eventualmente se estiver cobrando, também”, disse o treinador.

O objetivo de acabar o primeiro turno no G-4 foi deixado de lado. A meta é vencer para conseguir ter um pouco de tranquilidade no jogo de quarta-feira, quando o alviverde recebe em sua arena o Cruzeiro pelo primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil.

GUERRERO VOLTA

O Flamengo conta com um reforço de peso. O atacante Guerrero retorna ao time após cumprir suspensão contra o Atlético-PR. A dúvida é quem sai. Ederson estreou bem e pode ser mantido. 

A segunda opção seria tirar Alan Patrick, ex-Palmeiras. Outro ex-palmeirense que estará em campo no lado rubro-negro é o volante Márcio Araújo.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Victor Ramos, Vitor Hugo e Zé Roberto; Arouca, Robinho, Cleiton Xavier, Rafael Marques e Dudu; Barrios (Alecsandro)

Técnico: Marcelo Oliveira

FLAMENGO: César; Pará, Wallace, César Martins e Jorge; Jonas, Marcio Araújo, Ederson e Everton; Emerson e Guerrero

Técnico: Cristóvão Borges

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.