Marcos de Paula/Estadão
Marcos de Paula/Estadão

Palmeiras: reformulação para retomar protagonismo

Clube termina temporada com 39 atletas no elenco e promete grande mudança depois de brigar para não cair até a última rodada

Daniel Batista, O Estado de S. Paulo

08 de dezembro de 2014 | 07h00

Com ou sem rebaixamento, alguns jogadores do Palmeiras sabiam que hoje disputaram o último jogo pela equipe alviverde. Um elenco inchado e com muitos jogadores limitados fizeram com que o ano do centenário do clube, que seria de festa, terminasse de forma melancólica e mais uma vez tendo que conviver com a parte de baixo da tabela.

Nobre reconhece - como não podia deixar de ser - alguns equívocos na montagem do elenco e pretende corrigi-los (ou minimizá-los) na próxima temporada.

O Palmeiras termina a temporada com 39 jogadores no elenco, sem contar aqueles que eram usados esporadicamente para compor o treino ou banco de reservas, com o lateral-esquerdo Matheus Muller os meias Fernandinho e Gabriel Fernando.

As negociações para contratar reforços e renovar com quem tem contrato até o fim do ano estavam paradas, pois tudo dependia do jogo de hoje. Com a garantia da permanência na Série A, as mudanças serão bem maiores do que em uma possível queda.

São dez jogadores com contrato que se encerra no fim do ano e deles, a diretoria vai tentar renovar com três, casos de Diogo, Henrique e Marcelo Oliveira. Já Bernardo, Bruno César, Eguren, Juninho, Victorino, Washington e Wendel devem ir embora. Já Wesley, com vínculo até fevereiro, também deve ter sua saída facilitada, embora tenha uma proposta para renovar o vínculo.

Atletas que têm contratos mais longos, mas pouco fizeram para ajudar a salvar o time também podem bater asas e serem emprestados, caso não consigam uma negociação em definitivo. Caso, por exemplo, de Felipe Menezes, Mendieta, Patrick Vieira e Weldinho.

A ideia é trazer pelo menos dois jogadores de nome para ajudar Valdivia e se o chileno deixar o clube, um meia pode chegar para suprir sua saída. Do quarteto argentino, embora nenhum tenha brilhado como se esperava, se depender da diretoria, todos ficam. O atacante Mouche deu entrevista recentemente para uma rádio argentina e falou que se Dorival Júnior continuar no clube, ele vai pedir para sair, por entender que não terá espaço. Já Tobio, Allione e Cristaldo continuam.

Além da triagem no elenco para saber quem tem condições de continuar, será necessário também definir o que fazer com os atletas que voltam de empréstimo. São nove que podem ser aproveitados. Tudo depende da escolha do treinador. Podem voltar ao time o lateral-direito Ayrton; os zagueiros Luiz Gustavo e Tiago Alves, o volante João Denoni; os meias Patrik e Tiago Real; e os atacantes Maikon Leite, Caio e Vinícius.

Como as negociações estão paradas, ainda não foi traçado quantos jogadores devem chegar e permanecer, porém em algumas posições é clara a necessidade de reforçar, como na lateral-direita, na esquerda, no meio de campo e no ataque. E em todos os setores, a ideia é que cheguem atletas para jogar e não apenas para compor o elenco. De jogadores deste nível, o Palmeiras está cheio.

Nome e a situação de todos jogadores do Palmeiras:

QUEM FICA

Allione – 24/7/2016

Bruninho – 11/2/2018

Cristaldo – 31/12/2014* (contrato de estrangeiro. Na verdade, vai até agosto de 2018)

Fábio – 30/8/2017

Fernando Prass- 31/12/2015

Gabriel Dias – 31/12/2016

Jailson – 31/5/2015

João Pedro – 16/9/2017

Lúcio – 31/12/2015

Mazinho – 30/7/2017

Mouche – 25/6/2016

Nathan – 31/12/2018

Renato- 30/6/2019

Thiago Martins- 30/6/2016

Tobio – 20/6/2016

Victor Luis – 30/6/2017

Vinicius – 31/7/2016

PODE SAIR

Bruno – 31/12/2015

Deola – 26/12/2015

Diogo – 31/12/2014

Felipe Menezes – 30/6/2016

Henrique – 31/12/2014

Leandro – 31/12/2017

Marcelo Oliveira- 31/12/2014

Mendieta – 28/6/2015

Patrick Vieira – 31/5/2018

Rodolfo- 30/11/2018

Valdivia – 17/8/2015

Weldinho – 31/12/2016

Wellington- 30/6/2016

SAI

Bernardo – 31/12/2014

Bruno César – 31/12/2014

Eguren – 22/12/2014

Juninho- 31/12/2014

Victorino – 31/12/2014

Washington – 3/1/2015

Wendel – 31/12/2014

Wesley – 27/2/2015

Voltam de empréstimo e serão reavaliados:

Ayrton (Vitória) – 2/1/2016

Caio (Portuguesa) – 31/12/2016

João Denoni (Oeste)- 30/6/2017

Luiz Gustavo (Vitória) – 31/10/2017

Maikon Leite (Atlas-MEX) – 23/6/2016

Patrik (Paraná) – 18/3/2015

Tiago Alves (Ponte)- 31/12/2015

Tiago Real (Goiás) – 31/12/2016

Vinícius (Vitória) – 8/9/2017

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.