Tiago Queiroz/Estadão - 31/03/2014
Tiago Queiroz/Estadão - 31/03/2014

Palmeiras rescinde contrato com Lúcio e economiza R$ 1 milhão

Zagueiro estava fora dos planos desde o início do ano

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

06 de maio de 2015 | 16h30

O Palmeiras chegou a um acordo para a rescisão do contrato com Lúcio, zagueiro que está fora dos planos do clube deste o início do ano, mas que tinha vínculo até dezembro. A diretoria teve de pagar um determinado valor pela quebra do acordo (o valor não foi divulgado), mas calcula que terá uma economia de cerca de R$ 1 milhão com a saída antecipada do atleta do elenco.

Contratado no início do ano passado, Lúcio foi afastado por decisão da comissão técnica. Mesmo assim, continuou recebendo salários no valor de R$ 150 mil por mês. O acordo entre o Palmeiras e o jogador previa que ele não precisaria treinar na Academia enquanto não encontrasse outra equipe para atuar. O jogador chegou a negociar com clubes da China e Austrália, mas acabou não acertando nada. Ele está mantendo a forma em Brasília, sua cidade natal.

Seu último jogo pelo Palmeiras foi no fim do Campeonato Brasileiro de 2014. Lúcio, que chegou a ser capitão do clube em vários jogos, deixa o Palmeiras após 47 partidas e dois gols marcados. A torcida também nunca sentiu sua falta, mesmo tendo de atuar com jogadores menos experientes.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolPalmeirasLúciobrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.