Palmeiras se ajusta ao calor do Piauí

A comissão técnica do Palmeiras está alterando diariamente a programação dos jogadores pensando na adaptação ao forte calor de Teresina. O preparador físico Walmir Cruz revelou que os treinamentos dos últimos dias, realizados pela manhã sob temperatura que beira os 35 graus, têm por objetivo condicionar os atletas à situação de desconforto que viverão domingo, quando enfrentam o Fluminense às 16h pelas quartas-de-final da Copa dos Campeões.?Como estamos há três semanas aqui no Piauí, os jogadores já tiveram tempo razoável para adaptar-se ao calor. Mas quanto mais tarde treinarem, menos sentirão os reflexos da temperatura no momento em que tiverem que atuar.?Nos primeiros dias em Teresina, normalmente o Palmeiras treinava no final da tarde, por volta das 16h30. Agora, os jogadores estão indo para o campo de manhã, e raramente voltam para a concentração antes das 11h30. Além disso, estão ingerindo líquidos antes, durante e depois das partidas realizadas nesta Copa dos Campeões. O composto, à base de aminoácios, é misturado na água e repõe os sais minerais, além de concentrar doses de magnésio e potássio. Walmir Cruz afirma que em média os atletas estão perdendo três quilos por jogo. ?O ideal é que não sintam sede durante os 90 minutos. Se sentirem, é porque estão desidratados.?Vanderlei Luxemburgo voltou a enfatizar sua preocupação com o tema. Depois de criticar os organizadores da competição e a Rede Globo pela falta de sensibilidade em relação à tabela, exigindo coerência e equilíbrio para a marcação das partidas, comentou que a parte física poderá fazer a diferença diante do Fluminense. ?Estou usando a semana que nos deram aqui em Teresina para melhorar o desempenho do grupo nesse sentido.?O fato de alguns jogadores da equipe carioca terem declarado o favoritismo do Palmeiras para o clássico foi tratado com indiferença por Luxemburgo. ?Não gostaria de bater nessa tecla novamente, mas em jogos entre grandes clubes não existe vencedor de véspera. Posso garantir apenas que meu time vai jogar forte e com pegada o tempo todo. Afinal, ou vamos para Belém disputar a semifinal, ou voltamos para São Paulo.?O goleiro Marcos segue realizando a bateria específica de treinamentos que lhe foi determinada para recuperar-se das dores no pé direito. ?Quero que o Marcos volte contra o Fluminense com a cabeça apenas na Copa dos Campeões. Deve esquecer a Copa do Mundo, que, apesar de maravilhosa, já passou, e atender às expectativas do Palmeiras. Temos que trabalhar para diminuir o assédio que vem sofrendo da torcida aqui em Teresina?, afirmou Luxemburgo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.